TRABALHO DE 20 ANOS NÃO SE PODE PERDER

Valentim Loureiro anunciou hoje que será candidato à presidência da Assembleia Municipal de Gondomar, integrando as listas do seu movimento, que para a presidência da Câmara contará com Fernando Paulo. O anúncio aconteceu durante a entregue do dossiê de candidatura no Tribunal de Gondomar, esta tarde. O movimento independente Valentim Loureiro Gondomar no Coração, fundado pelo autarca de Gondomar, foi a eleições em 2005 e 2009, tendo conquistado de ambas as vezes a Câmara e Assembleia Municipal.

O dossiê inclui, pela primeira vez para a lista independente, candidatos às Juntas de Freguesia e conta com cerca de 7.000 assinaturas de gondomarenses como proponentes da candidatura, 3.000 a mais do que as quatro mil legalmente requeridas.

Fernando Paulo, 44 anos, é vereador da Câmara de Gondomar há 20 anos, ou seja, desde que Valentim Loureiro tomou posse, pela primeira vez, como presidente da Autarquia, tendo tido a seu cargo pelouros como a Educação, Ação Social, Juventude, Desporto, Cultura e Saúde. A sua competência e capacidade de executar e liderar são reconhecidas não apenas em Gondomar mas também fora do concelho que hoje apresenta níveis de desenvolvimento nessas áreas acima da média da Área Metropolitana do Porto.

TRABALHO DE 20 ANOS NÃO SE PODE PERDER
A candidatura propõe-se alicerçar o seu trabalho nas bases deixadas pelos mandatos de Valentim Loureiro, que estruturou o concelho, o dotou de acessibilidades, transportes e equipamentos e implementou políticas sociais pioneiras em todo o país. Sendo o nono concelho do País, e recebendo agora para a presidência da Câmara o “sangue novo” de Fernando Paulo, os independentes propõem-se dar mais atenção às políticas de atração de investimento e emprego e o desenvolvimento das cidades, como Rio Tinto, Gondomar e Valbom.

À saída do tribunal onde entregou as pastas contendo as sete mil assinaturas, Fernando Paulo mostrou-se confiante num bom resultado: “Queremos ganhar, mas acreditamos que a maioria absoluta será a melhor solução para a governação do concelho. Gondomar não deve estar dependente dos humores e jogadas internas dos partidos”, disse o candidato à Câmara, lembrando a "qualidade das nossas listas, sem dúvida a equipa mais bem preparada para liderar Gondomar".

Já Valentim Loureiro salientou a sua fidelidade a Gondomar: "Vou servir os gondomarenses agora de outra forma, em funções não executivas e fiscalizadoras. Não pude dizer que não. Depois de ter convencido o Fernando Paulo a aceitar o desafio de ser candidato à Câmara, não lhe podia dizer que não", salientou.

Fonte: http://fernandopaulo2013.blogspot.pt/

Sem comentários: