Liga para a Inclusão Social.

Numa iniciativa partilhada entre a Câmara Municipal de Gondomar e a Comissão Organizadora da Liga para a Inclusão Social, realizou-se, no dia 17 de Junho, a cerimónia de encerramento de 2010/11, evento que decorreu no pavilhão da Ala Nun’Álvares de Gondomar e, depois, continuou em convívio no Parque Municipal de Merendas (Castanheiros).


Futebol, música, dança e convívio foram as actividades que marcaram um dia que contou com a presença de mais de 300 utentes e cerca de seis dezenas de técnicos.

No âmbito da sua actividade, o Gabinete CARA, implementado pelo Departamento de Habitação da Câmara Municipal de Gondomar, foi convidado a integrar a Liga para a Inclusão Social. A Liga para a Inclusão Social é um projecto de parceria interinstitucional, desenvolvido solidariamente desde o início de 2009 por mais de três dezenas de instituições, públicas e privadas, da zona Norte do país, todas elas de reconhecida idoneidade e com intervenção numa (ou várias) das áreas de exclusão – nomeadamente Sem-Abrigo e Precariedade, Saúde Mental e Psiquiatria, Dependências e, ainda, Reclusão.

Nesse sentido, e como forma de assinalar o final da “época” para esta Liga, realizaram-se várias actividades (no passado dia 17 de Junho). Para além de um jogo de Futsal entre a Selecção da Liga e a Equipa de Veteranos do FCPorto (com resultado absolutamente irrelevante, em termos de notícia...), também houve a actuação do “Som da Rua” e do “PIN Dança”. Intervieram, antes da entrega dos prémios e diplomas, o Presidente da Câmara Municipal de Gondomar, Maj. Valentim Loureiro, e o Presidente da Associação de Futebol do Porto, Lourenço Pinto.

Para Lourenço Pinto, a inclusão social tem que ser uma “preocupação que faça parte das nossas vidas, 24 horas por dia”, destacando a importância do trabalho desenvolvido pelas autarquias e instituições no complemento à acção desenvolvida a nível governamental. E, na opinião do Presidente da Associação de Futebol do Porto, “o desporto é o primeiro caminho para se atingir a inclusão social”.

Valentim Loureiro destacou que a Câmara Municipal de Gondomar tem, nestes últimos anos, demonstrado uma “forte preocupação com a área social e de inclusão, promovendo um acompanhamento, muito próximo, das famílias Gondomarenses”. E, justificou (elencando) o Presidente da Câmara, “nós temos projectos muito concretos nestas áreas – e não apenas teorias...”

Depois da entrega de prémios de participação, mais de três centenas de utentes e seis dezenas de técnicos dirigiram-se para o Parque Municipal de Gondomar (Parque dos Castanheiros), local onde almoçaram e confraternizaram.

O objectivo principal desta “Liga” é contribuir para a inclusão social de pessoas excluídas ou em risco de exclusão, através da promoção de projectos de inclusão em diversas áreas. O desporto, a música, o teatro, as artes plásticas, a dança ou o emprego são algumas das estratégias implementadas.

Várias personalidades, de diversos quadrantes e de reconhecimento social, decidiram associar o seu nome a este projecto. Destaque para os médicos Pinto da Costa e Daniel Serrão, os futebolistas Pedro Barbosa e Vítor Baía, os músicos Pedro Abrunhosa e Miguel Guedes, o actor António Reis ou os artistas plásticos Rui Anahory e José Rodrigues.

No dia da cerimónia de encerramento da Liga para a Inclusão Social, juntaram-se outros dois nomes a esta lista: Valentim Loureiro, Presidente da Câmara Municipal de Gondomar, e Lourenço Pinto, responsável pela Associação de Futebol do Porto.

A capacidade de mobilização e agregação dos mais variados sectores da sociedade revelada por este projecto permitiu-lhe atingir, logo no seu primeiro ano, um impacto social surpreendente – quer a nível da participação dos utentes das diversas instituições, quer a nível do envolvimento da sociedade em geral.

Neste enquadramento, e atendendo ao papel de particular relevo desempenhado pela Câmara Municipal de Gondomar no combate à exclusão social, o Gabinete CARA (Centro de Apoio e Recuperação do Alcoolismo), em representação da Autarquia foi convidado a integrar a Comissão Organizadora da Liga para a Inclusão Social.

Sem comentários: