Revolução dos Cravos

São várias as iniciativas que, em Gondomar, assinalam as comemorações da “Revolução dos Cravos”. Com actividades dispersas por todo o Concelho, destaque para o programa delineado pelo Pelouro da Cultura da Câmara Municipal de Gondomar.
No dia 16 de Abril as comemorações passaram por uma Sessão de Poesia, a inauguração da já tradicional Exposição de cartazes alusivos ao 25 de Abril (elaborados por alunos), a Exposição “As Actas da Revolução da Câmara Municipal de Gondomar” e, a terminar a noite, um Festival de Tunas.

De tudo um pouco se pode apreciar, ver e ouvir em Gondomar durante os dias mais próximos – como forma de serem assinalados os 37 anos da “Revolução de Abril”. São diversas as propostas que se apresentam, um pouco por todo o Concelho. Actividades que, refira-se, contam com a dinamização e colaboração das Juntas de Freguesia, Escolas e Associações locais.
Os 37 anos de Democracia, em Gondomar, começaram a ser assinalados com uma Sessão de Poesia, a inauguração da Exposição de cartazes alusivos ao 25 de Abril, a Exposição “As Actas da Revolução da Câmara Municipal de Gondomar” e, ainda no programa do passado dia 16, a terminar a noite com um animado Festival de Tunas. Estas iniciativas foram promovidas pelo Pelouro da Cultura da Câmara Municipal de Gondomar.
Tarde e noite de 16 de Abril foram preenchidas com várias actividades. O programa teve início na Biblioteca Municipal de Gondomar – com uma Sessão de Poesia. O Vereador do Pelouro da Cultura da Câmara Municipal de Gondomar, Fernando Paulo, elogiou os promotores desta iniciativa. “É um projecto que começou de maneira informal mas, aos poucos, consolidou-se e, agora, é com muito agrado que aprecio esta ‘apropriação’ da Biblioteca para estes eventos culturais”, destacou. Depois, acompanhado pela também Vereadora Carlota Teixeira, juntou-se aos restantes declamadores. A saber: Ivone Soares, Maria de Lurdes Anjos, Marília Castro, Lurdes Martins, Fernanda Rebelo, Amândio Vasconcelos e Fernanda Cardoso.
Antes dos poemas houve, também, ocasião para se ouvir uma excelente actuação do Grupo Coral Clube PT Porto e do Orfeão de S. Mamede de Infesta – que actuaram em conjunto, liderados pelo Maestro Sérgio Martins.
Depois, já à noite, coube ao Vereador Fernando Paulo, responsável pelo Pelouro da Cultura da Câmara Municipal de Gondomar, inaugurar as duas exposições. Em primeiro lugar uma com as cópias das Actas de Câmara do período posterior à “Revolução dos Cravos”. Onde, curiosamente, a 25 de Abril de 1974, o Chefe de Secretaria da Câmara se chamava Valentim dos Santos e o Executivo enviava, ao Presidente da Junta de Salvação Nacional, as congratulações por esta “hora alta para o nosso país” [fim da Ditadura] ser “alcançada sem derramamento de sangue”.
Lado a lado com a exposição de “Actas da Revolução”, estão patentes os trabalhos do concurso de cartazes do 25 de Abril. Ana Carina Pinto, aluna da Turma 12.º B da Escola Secundária de Valbom, foi a grande vencedora desta edição do concurso (promovido em parceria entre a Câmara e a Escola Secundária de Gondomar).
A noite comemorativa prosseguiu com uma actuação de tunas. Este Festival de Tunas, organizado pela Associação Cultural e Artística Radicarium, contou com as sonoridades (danças e muito humor) da “Partituna”, da “Javardémica” – Tuna de Ciências do Porto, da “Artuna” – Tuna Mista da Escola Superior Artística do Porto e, também, da “Gestrintuna”.
O programa de comemorações prossegue no dia 28 de Abril, novamente no Auditório Municipal de Gondomar, com a cerimónia de entrega de prémios do concurso de cartazes. Haverá, ainda nessa noite, uma actuação da banda “Free Soul” (da Escola Secundária de Rio Tinto). Depois, a 30 de Abril, realiza-se um espectáculo com musical com o “Arco do Bojo”. Este evento, comemorativo, em paralelo, dos 20 anos do grupo, contará ainda com a participação do “Coral Madrigal” (Centro Social de Soutelo), Grupo de Sopros, Grupo de Violas da Escola “Arco do Bojo” e Grupo de Dança Rítmica de Baguim do Monte.

Sem comentários: