“Picassus” em Rio Tinto


Decorre, até 19 de Fevereiro, na Casa da Juventude de Rio Tinto, a exposição de pintura de Sílvia Soares. Intitulada “Picassus”, a mostra é composta por oito quadros (dedicados ao mestre do Cubismo).


Os mais curiosos podem ver a reportagem da “LocalVisão TV”, realizada pela jornalista Mariana D’orey, em http://videos.sapo.pt/Lc5HtCeZbLuYrI0RbwNh

A exposição “Picassus”, da artista Sílvia Soares, está patente na Casa da Juventude de Rio Tinto até ao próximo dia 19 de Fevereiro. Composta por oito quadros, dedicados ao mestre do Cubismo, a exposição teve a sua inauguração oficial no passado dia de 24 de Janeiro.



Sílvia Soares nasceu em Novembro de 1974. Frequentou o curso de Inglês na Universidade de Cambridge, em Inglaterra, mas foi a arte que, desde sempre, complementou o seu percurso.

Mentora do Projecto “Art in loco”, Sílvia Soares licenciou-se em Artes Plásticas, na vertente de Pintura, pela ESAP. A sua obra plástica está representada em inúmeras colecções públicas e privadas, expondo desde 1995 e tendo já participado em cerca de 170 mostras públicas. É autora de dois livros, tendo ainda poesia e contos inseridos em 11 antologias. Paralelamente à carreira artística, Sílvia Soares desenvolve trabalhos nas áreas de artes de palco, música, jornalismo e multimédia.



Melchyor Silva refere, no catálogo da exposição, que “conhecer Sílvia Soares e a sua obra é assumir o lado da vida onde a beleza, a felicidade e a arte se juntam”, classificando os seus trabalhos como “a simbiose perfeita para voar no espaço destinado à realidade e ao sonho”. Melchyor Silva acrescenta, ainda, que Sílvia Soares “é uma artista com regras e estilo muito pessoal e talento multifacetado”.

Sem comentários: