FMI e é já.

De que temem os políticos deste país para não quererem cá o FMI? Será que vai mexer mais com eles do que connosco? Acredito que sim. Pois a nós, simples trabalhadores não creio que nos vão afectar mais do que já estamos, pois mais uma vez pagamos a factura da incompetência de políticos sem formação e competência para os cargos que ocupam. Com tantas medidas de austeridade com PEC 1,2, 3, (e só não viram mais porque o FMI virá antes) com o orçamento desesperado que o governo e PSD aprovaram, se as contas não vão ao sítio é porque mais eles não sabem. E com isto tudo, passamos uma imagem de incompetência do nosso país para o exterior. Mas curioso é o facto de um país que está teso e endividado possa se candidatar a organizar europeus de futebol, cimeiras da nato que segundo a imprensa custará dez milhões de euros só em segurança e lembrando que enquanto teremos dez mil policias em Lisboa o resto do Pais ficará desprotegido, aeroportos, TGV e um governo a gastar ao desbarato. Enquanto isso temos projectos do QREN a serem devolvidos quando há milhões ainda para gastar e assim ajudar câmaras e entidades públicas dos mais variados sectores a desenvolverem-se.

Sem comentários: