Artur Santos Silva (Pai) fazia hoje cem anos.

Artur Santos Silva falava no JN sobre uma matéria sobre seu pai também ele chamado Artur Santos Silva, que seu pai tinha “ A paixão pelas causas da liberdade, igualdade, solidariedade e paz nunca o impediram de ser íntimo amigo de pessoas com outros ideais. Procurava afinidades humanas”.

Ora ai está uma lição para todos nós.
Principalmente para aqueles que não respeitam nem se dão ao respeito com quem tem uma opinião diferente sobre algo.
Ser amigo de quem tem uma maneira diferente de ver as coisas, é respeitar o ser humano na totalidade da sua pessoa.
Mas sobre isto o que está escrito em cima fala por si só.

Sem comentários: