Vivemos ou vamos vivendo?

Eis uma musica que sempre me fez pensar e agora ainda mais, pois o tempo passa e já pouco falta para os 40.
Mas não só por isso.
Porque acredito que devemos sempre viver com tudo o que a vida nos dá mas que nos probem de coisas boas.
Por isso sigo um lema:

Tudo posso, mas nem tudo me convém.

Que possamos aproveitar a vida e tirar proveito de tudo, mas que saibamos destinguir o que é bom para nós, do que não nos é bom.

">

Quando alguém se vai......

Por estes dias, uma pessoa amiga perdeu um familiar muito querido, que era o pilar numa numerosa família.
Era alguém que conseguia juntar todos familiares junto dele.
Era um autêntico timoneiro dessa família.
Embora a família já esperasse a partida desse timoneiro, o certo é que na hora h custa.
É triste quando assim acontece de vermos partir alguém que amamos.
Deixo aqui no meu espaço, uma homenagem a essa família que para mim tem importância e me faz lembrar que nunca estamos preparados para perder-mos alguém, mesmo que o saibamos.
À família deixo-vos também o desejo que recuperem a alegria de viver rapidamente, pois ainda sois muitos os que cá ficam para que o dia de amanha não exista.
Que encontrem conforto nos ombros de cada um de vós.
Abraço e que o sol nasça em vossas vidas rapidamente.

Sempre PAI.

Pai educa
Pai cuida.
Pai acarinha.
Pai repreende.
Pai não diz só o que queremos ouvir
Pai diz o que devemos ouvir.
Pai acompanha mesmo à distancia.
Pai caminha de mão dada com o filho.
Mas mesmo quando ele cresce
a mão pode não lá estar fisicamente
mas está lá a nos segurar nesta vida.
É de mão dada contigo Pai que eu te escrevo que te amo.
Amo-te muito e que ainda preciso muito de ti.
PAI.

Dia do Pai é todos os dias.

Pai eu sou, filho também.
Antes de Pai ser, era só filho.
Um filho com muito orgulho do Pai que tem
do Pai que teve e do Pai que terá
pois muito muito ainda terá que ser MEU Pai.
Do Pai que sou já o disse uma vez, o devo ao Pai que sempre tive.
O carinho que recebo do meu filho é também para o meu Pai
pois o Pai que sou o devo ao Pai que tive e tenho.
Obrigado pai.

Por amor, com amor (5)

Um oceano nos separa fisicamente.
A distância é enorme.
Não sei como combater a saudade.
Como superar este oceano?
Que faço sem contigo estar minha amada?
Não estou contigo em corpo, mas espero que sintas a minha pessoa.
Pois o amor que sinto por ti não se vê, mas sente-se.
Eu sinto vindo de ti todo esse amor que em mim e recíproco.
Quanto mais amor recebemos um do outro, mais nos damos.
Quanto mais afastados estamos, mais depressa nos encontramos.
O tempo mantêm-nos afastados.
Algumas horas por dia.
Mas em nenhum dia estaremos longe um do outro.
O oceano de que falo são as horas do dia que sem ti estou.
São mais que um oceano.
São tempos intermináveis.

Fapag com os pais no Conselho Geral.


Realizou-se no dia 16/03/2009 na sede da FAPAG, uma reunião com os representantes dos PEE nos CGT para esclarecer e debater os diversos assuntos que têm a ver com a posição dos pais no Conselho Geral e do que devemos ter em atenção na escolha do director para as nossas Escolas. Foi uma reunião muito esclarecedora para todos, em que se trocaram experiências de um agrupamento que já nomeou o seu director.
Estas iniciativas são de louvar, pois servem para que os pais que querem agarrar esta oportunidade, a possam agarrar com conhecimento de causa, mesmo que minimamente.
Não podemos nos esquecer que do Conselho Geral sairão as decisões mais importantes na vida escolar das nossas crianças.
Embora sejam poucas ou mesmo diria até que praticamente nenhuma Federação fez uma reunião deste género, felicito a FAPAG pelo encontro e que outras Federações sigam este mesmo caminho.

Por amor, com amor (4)

Tudo que eu tinha te dei.
O meu amor quando te conheci, te entreguei.
O carinho para ti todo foi.
As músicas que eu criei, para ti as cantei no silêncio da madrugada.
Tudo que escrevi, que de amor falava, a ti se destinavam.
Todos poemas, versos ou declarações de amor a ti foram entregues.
No livro que escrevi também de ti falei no conto que imaginei.
Nas palavras que falo se sentido fazem a ti se deve.
O sentimento que toca cá dentro vem de ti, do teu amor.
Do que falo, conheço desde que te conheci.
E do que falo é de amor.
Se conheço o amor a ti se deve.
Assim como a felicidade que por dentro sinto.

Por amor, com amor (4)

Tudo que eu tinha te dei.
O meu amor quando te conheci, te entreguei.
O carinho para ti todo foi.
As músicas que eu criei, para ti as cantei no silêncio da madrugada.
Tudo que escrevi, que de amor falava, a ti se destinavam.
Todos poemas, versos ou declarações de amor a ti foram entregues.
No livro que escrevi também de ti falei no conto que imaginei.
Nas palavras que falo se sentido fazem a ti se deve.
O sentimento que toca cá dentro vem de ti, do teu amor.
Do que falo, conheço desde que te conheci.
E do que falo é de amor.
Se conheço o amor a ti se deve.
Assim como a felicidade que por dentro sinto.

O sonho.

Em miúdo sempre sonhei que um dia ia amar e ser amado.
Que ia levar a pessoa amada sempre comigo no meu coração, onde quer que fosse.
Que ia amar tanto que fazia loucuras por esse amor.
Que desse amor viria uma criança.
Criança essa que iria amar, cuidar, respeitar, mimar e ensinar-lhe a respeitar a vida.
Que fosse menino ou menina, essa criança ia ser a minha vida.
Por quem eu morreria se preciso fosse.
Mas se eu acredito nos sonhos é porque eu acredito que se realizam.
Isso eu posso afirmar, pois este sonho que aqui conto é actualmente a minha realidade.

Dia da Mulher.

Mulher não é objecto.
Mulher não serve apenas para cuidar da casa e das necessidades físicas do homem.
Mulher não é escrava.
Mulher tem sentimentos.
Mulher tem vida.
Mulher deseja ouvir, mas também ser ouvida.
Mulher é vida e nos dá vida.
Muitas das vezes a sua própria vida para nos dar à luz.
Mulher cuida de si e dos seus.
Às vezes esquece-se de si pelos seus.
Mulher ama como ninguém mas às vezes não é amada por ninguém.
Ainda assim a mulher tem sempre amor por alguém.
Mulher trabalha sem parar.
No trabalho ou em casa, não descansa.
Ainda sem tempo para descansar e sem de si cuidar a mulher nos escuta se algo não vai bem com alguém que lhe é querido/a.
Mulher é este ser extraordinário sem igual.
Por isso existe o dia da Mulher e não o dia do homem.
Porque por tudo de bom que a mulher é merece este dia e muitos mais.
Mas não nos esqueça-mos que dia da Mulher é todos os dias.
SEMPRE.


">

Por amor, com amor. (3)

Eu sei que te quero sempre amar.
Mas quero mais de ti.
Quero toda a tua vida.
Quero todo teu ser.
E isso eu não te peço.
Eu QUERO.
Quero ser o único em teu coração e em teu corpo.
Único a ser desejado por ti.
Único a poder teu jardim desfrutar.
Ser quem teus lábios, teu corpo todo deseja.
Não quero por querer.
Quero porque tudo que peço de ti, já à muito te dou de mim.

Por amor, com amor. (2)

Não amo menos por não o dizer a toda a hora.
Não amo menos se não te levar flores, se não te fizer um poema, um verso.
Não amo menos se prendas caras não te oferecer e a jantares caros não te levar.
Amo-te menos é se não te respeitar, amar e te fazer sentir amada.
Tudo que pode cimentar nosso amor eu faço.
Ainda que nem sempre o diga, eu sinto e esse amor está em nós.
Ainda que nem sempre contigo esteja, contigo sempre estarei.
Não amo por amar, amo porque entre nós existe amor.

Por amor, com amor. (1)

Depois de ter acabado o meu livro Amar aos 40, que só foi oferecido ás pessoas familiares e amigos/as íntimos, eis que aqui começa Por amor, com amor.
Também poderei enviar o livro para o email de quem me o pedir para o meu email que está em meu perfil.
Porque o conto com muitas realidades Amar aos 40, terminou não significa que o amor acabou. Muito pelo contrário.
Apenas o facto de estar inserido no Movimento Associativo de Pais tem me tomado quase todo tempo que tenho livre e que já era pouco.
Mas agora com Por amor, com amor, voltarei aos poemas, versos ou contos, como lhe quiserem chamar.
Eu apenas chamo; coração a falar.
E aqui começa as declarações de quem ama para quem é amado.


Por amor, com amor. (1)
Vida vazia e oca quando em ti não penso.
Vida incompleta se em mim não estás.
Vida que sem ti morre, pois teu amor é meu ar, meu coração, meu sentido de vida.
Sem ti não é vida o que tenho.
Vida essa que contigo faz todo sentido de ser chamada de vida.
Sem ti não vale a pena viver.
Por ti respiro e vivo com alegria.
Por ti tudo vale, desde que te faça a mulher mais feliz do mundo.
Vida essa, que para te fazer feliz vale a pena existir.
Vida.
Palavra que só tem maior valor quando amamos e fazemos por ser amados.
Tu és a minha vida.