Biblioférias de Inverno.


Declaração de Rectificação.

― Declaração de Rectificação n.º 84/2009. D.R. n.º224, Série I de 2009-11-18, da Presidência do Conselho de Ministros ― Centro Jurídico Rectifica o Decreto-Lei n.º 270/2009, de 30 de Setembro, do Ministério da Educação, que procede à nona alteração ao Estatuto da Carreira dos Educadores de Infância e dos Professores dos Ensinos Básico e Secundário, aprovado pelo Decreto-Lei n.º 139-A/90, de 28 de Abril, à terceira alteração ao Decreto-Lei n.º 20/2006, de 31 de Janeiro, e à primeira alteração ao Decreto-Lei n.º 104/2008, de 24 de Junho, Setembro de 2009.
Link

Lojas do Cidadão.

Nos próximos dias 24 e 26 de Dezembro as Lojas do Cidadão encontram-se encerradas, bem como no dia 31 durante a tarde, mas vão estar a funcionar no dia 2 de Janeiro de 2010. Relembra-se que nos feriados de 25 de Dezembro e 1 de Janeiro as Lojas e os Postos de Atendimento ao Cidadão (PAC) estão encerrados.

Fonte: Portal do Cidadão

Natal solidário em Gondomar.

No âmbito do Programa “Natal Solidário”, a Câmara Municipal de Gondomar, em colaboração com a Santa Casa da Misericórdia de Vera Cruz, procedeu à entrega de Cabazes de Natal a 826 famílias do concelho (num total de 2.584 pessoas).
A primeira entrega, simbólica, decorreu no dia 18 de Dezembro, no Salão Nobre da Câmara, contando a presença do Presidente da Autarquia, Major Valentim Loureiro.

Fonte: SITE C M G.

Feliz Natal.

A todos os que por aqui passam, quero desejar as maiores felicidades não só nesta época, como durante todos os dias das suas vidas.
Sejam felizes, por voçes e por quem amam e vos amam.

Daniel Fernandes.

Tolerância de ponto.

Despacho n.º 27477/2009
Considerando que é tradicional a deslocação de muitas pessoas para
fora dos seus locais de residência no período natalício tendo em vista a
realização de reuniões familiares;
Considerando a prática que tem sido seguida ao longo dos anos;
Considerando a tradição existente no sentido da concessão de tolerância
de ponto nos serviços públicos não essenciais na época do Natal:
Determino, ao abrigo da alínea d) do artigo 199.º da Constituição e
no uso dos poderes delegados pelo n.º 4 do artigo 6.º da Lei Orgânica do XVIII Governo Constitucional, aprovada pelo Decreto -Lei n.º 321/2009,
de 11 de Dezembro, o seguinte:
1 — É concedida tolerância de ponto aos trabalhadores que exercem
funções públicas na administração central e nos institutos públicos no
dia 24 e na tarde do dia 31 de Dezembro de 2009.
2 — Exceptuam -se do disposto no número anterior os serviços e
organismos que, por razões de interesse público, devam manter -se em
funcionamento naquele período, em termos a definir pelo membro do
Governo competente.
3 — Sem prejuízo da continuidade e qualidade do serviço a prestar, os
dirigentes máximos dos serviços e organismos referidos no n.º 2 devem
promover a equivalente dispensa do dever de assiduidade dos respectivos
trabalhadores em dia ou dias a fixar oportunamente.
21 de Dezembro de 2009. — O Primeiro -Ministro, José Sócrates
Carvalho Pinto de Sousa.

Assim foi a nossa Festa de Natal.

Realizou-se no dia 18 a Festa de Natal na Escola da EB1 da Triana realizada pela Associação de pais com a colaboração da Escola.
Foi com o ilusionista Modesto Matias que a festa se iniciou, tendo maravilhado todos os presentes com os seus números.
Tivemos também o grupo de dança KSP mais a professora Lee7, que com uma coreografia que evidenciou que o importante no Natal é a amizade e não as prendas em si.
Tudo isto exprimido através da dança.
Contamos também com a alta presença do Sr. Director do nosso Agrupamento, que sendo o único docente presente, nos mostrou o apoio dado pelo nosso Agrupamento tendo sido homenageado com um Diploma de Apreciação pelo seu trabalho e pela sua presença constante nos nossos eventos.
Os membros da Ap foram homenageados também pelo seu empenho com um Diploma de Apreciação por todo empenho demonstrado em prol das nossas crianças, sendo que aos Docentes da Escola não foi possível entregar os mesmos por nenhum poder estar presente.
Ponto alto também foi quando as crianças receberam as prendas oferecidas pela Associação de Pais.
Mas para nós, Associação de Pais, o ponto mais importante foi ver a alegria das crianças que junto dos seus familiares a partilharem um momento todo ele especial.


Feliz Natal e Bom Ano Novo são os nossos desejos.

Taxas Moderadoras.

Decreto-Lei n.º 322/2009
Ministério da Saúde
Revoga o artigo 148.º da Lei n.º 53-A/2006, de 29 de Dezembro, e o artigo 160.º da Lei n.º 64-A/2008, de 31 de Dezembro, eliminando as taxas moderadoras para acesso a internamento e acto cirúrgico realizado em ambulatório, no âmbito do Serviço Nacional de Saúde

Politicos.

O líder do PCP diz que as fitas entre os líderes do CDS-PP e PS são enganadoras porque daqui a nada estão a fazer acordos.
Mas em Lisboa é o PCP que faz acordos com o PS para o protocolo da Liscont.
E agora o Orçamento rectificativo aprovado com a abstenção de PSD, CDS e PCP vem mostrar que eles falam falam falam e depois na hora H estão quase todos de acordo.
Oposição, se querem saber de uma opinião aqui vai; deixem quem ganhou governar.
Que tipo de políticos são estes?

AEC’s.

Para quem pensa e diz à boca cheia que a falta de professores das AEC’s é só em Gondomar e procura fazer desta falsa informação uma bandeira a fim de deitar abaixo um bom trabalho feito por este pelouro da Educação, informo essas pessoas que os caminhos mais fáceis como os que sugeriram depois dão nisto que vem publicado no JN de 10/12/2009 e que sendo verdade mostra que nem sempre o caminho mais fácil é o melhor.
Pelo menos em Gondomar os professores são contratados pela câmara que se responsabiliza por dar condições.
E assim que estiver tudo resolvido teremos as AEC’s a funcionar em pleno e sem passar pelo constrangimento de outras câmaras como diz esta noticia.
Falsos Gondomarenses, parem de botar abaixo a vossa cidade e ganhem juízo.



“Cerca de 150 professores recrutados para dar aulas de Inglês e de Música extracurriculares em escolas do Porto estarão numa situação de "falsos recibos verdes". A denúncia é do BE. A Câmara diz que quem tem de responder é a empresa contratada.
Manuel Monteiro, adjunto da vereadora responsável pela área da Educação, Guilhermina Rego, disse ontem ao JN que a contratação da Edu Tec resultou de um concurso público internacional e que é a esta empresa que se devem colocar questões.
Entendendo não poder "interferir com actos de gestão interna da Câmara do Porto", o Ministério encarregou a Direcção Regional de Educação do Norte (DREN) de contactar a Autarquia "no sentido de serem garantidas condições dignas para o exercício ds actividade docente".
O caso remonta ao início deste ano lectivo, quando cerca de 150 professores foram recrutados por uma empresa - a Edu Tec - em circunstâncias aparentemente irregulares. Os docentes reuniram com a empresa numa oficina de automóveis em Matosinhos e começaram a trabalhar no programa de Actividades de Enriquecimento Curricular do concelho, no âmbito de um protocolo de prestação de serviços celebrado entre aquela empresa e a Câmara.
Realçou ainda que a empresa presta serviços a várias câmaras, "incluindo a de Salvaterra de Magos", ganha pelo BE. ”

Fonte: JN.

Dia de quem tanto é esquecido.

Hoje comemora-se o dia internacional das pessoas com deficiência.
Pena é que estas pessoas iguais a nós outros, sejam muitas das vezes esquecidas por quem de direito.
Pelas pessoas, pelas entidades e até pelos familiares.
Sei bem o que passa uma pessoa com deficiência, pois meu pai quando veio da guerra do Ultramar veio com uma incapacidade física de 75%.
Havia ficado sem o pulmão esquerdo.
Tem sido o meu herói, pois à mais de 36 anos que tem vencido a falta de ar e escapado da morte como quem escapa do inimigo em plena guerra.
Muitos houve que ficaram também incapazes de poderem levar uma vida o mais normal possível.
Não porque iam a conduzir alcoolizados nem porque fizeram por isso mesmo que inconscientemente, mas sim porque foram mandados para uma guerra sem sentido.
Vamos lembrar que todos os dias há pessoas que precisam de nós e que o nosso Pais e respectiva Segurança Social deve ajudar, principalmente quem assim está sem ter feito nada para isso.

Ouvir, escutar e aprender.

Foi com muita vontade de mais aprender que fui ao II ENCONTRO DAS AP DE GONDOMAR onde estiveram presentes os seguintes e distintos convidados; Prof. Doutor Salvato Trigo, Dr.ª Maria João Roque e Dr.ª Merícia Silva e a Prof. Doutora Maria Cidália Queirós.
Foi com muito gosto e sentido de escutar que podemos ouvir todos eles.
Posso dizer que poderia passar o dia todo escutando o Prof. Doutor Salvato Trigo e ainda seria pouco.
São palavras que fazem sentidos as por ele proferidas.
Mas tendo sido este encontro organizado pela FAPAG, outra coisa não seria de esperar.
Mais uma vez podemos dizer que Gondomar foi neste dia a capital do pais em termos de Educação.
Mais uma iniciativa que juntou na mesma sala Professores, Pelouro da Educação (sempre presente nas actividades que envolvam a Educação em Gondomar), Directores de diversos Agrupamentos, Associações de Pais, Juntas de Freguesia, DREN, e demais convidados e presentes.
Enfim toda a comunidade envolvida na Educação dos nossos filhos.
Agradeço a oportunidade de ter feito parte deste evento e do conhecimento que nos foi dado a todos nós presentes em tão especial evento, pelos ilustres palestradores.

Cinco mulheres mortas pelos companheiros em 10 dias.

Cinco mulheres mortas pelos companheiros em 10 dias.
Foi com esta notícia que comecei a ler o JN hoje dia 24/11/09.
Além de ser o tipo de noticia que nunca deveria de ser verdade, choca-me que algumas das vitimas já tivessem alertado as autoridades, que por causa da burocracia, nunca chegam a tempo.
Porque depois segue para a PJ e depois é que se investiga e entretanto as mulheres são assassinadas
Para que queremos nós uma policia assim?
Não deveria a própria PSP ter tomado uma atitude?
Se não tomou dói por causa da burocracia?
O certo é que das 25 mulheres assassinadas só este na, grande parte já tinha feito participação nas entidades policiais.
Temos de acabar com toda a burocracia quando estão em risco vidas humanas.
Mas não quero com isto que acabei de escrever, colocar a culpa na policia.
Muito pelo contrário.
Acredito que estas mulheres têm de ter mais protecção e que acreditem nelas quando fazem participações deste tipo.
Quanto aos culpados as penas têm de ser mais duras, pois afinal ainda corremos o risco de depois de serem libertados, isto se cumprirem pena, que volte a acontecer.
Quanto ás mulheres que têm passado por isto, DENUNCIEM E NÃO SE CALEM.

Aumentos

"O governador do Banco de Portugal, Vítor Constâncio admitiu hoje que o aumento dos salários para 2010 deverá situar-se na ordem de 1 a 1,5 por cento."

Fonte: Público.

Agora pergunto eu, se este senhor ganha-se o salário mínimo teria a mesma opinião?
Como pode alguém que ganha como ele ganha, fora os benefícios que tem, fruto do cargo que ocupa, dizer que só poderá haver aumentos de 1 a 1,5 por cento?

II Encontro das Associações de Pais de Gondomar.


Este encontro, vem permitir às nossas Ap’s não só de Gondomar como de outras cidades que já marcaram presença, a partilha de informação, maneiras de trabalhar, como incentivar os pais a participar na Escola dos seus filhos, ajudar os pais que dão do seu tempo ao MAP (Movimento Associativo de Pais), como fazer os novos pais que nunca participaram numa Ap e os ajudar a se integrarem no Movimento Associativo.
Por isso tudo é importante participar nestes encontros, que nos ajudam a crescer e a darmos um contributo válido no trabalho a que nos propomos a fazer.
Assim vem esta Ap reforçar o convite feito pela FAPAG a quem está a ler esta mensagem a vir também participar neste encontro que se realiza este sábado dia 21/11/2009.
Sairemos todos desse encontro com mais conhecimentos e melhor preparados para este caminho que nem sempre é fácil de percorrer, mas é gratificante fazer pelas escolas dos nossos filhos o nosso melhor e com isso contribuir para uma melhor Escola.

ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA Lei n.º 33/2009 de 14 de Julho.

Estejam atentos quando levarem alguém ao hospital.
Não vos poderem negar entrarem com o doente no serviço de urgência.
ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA

Lei n.º 33/2009
de 14 de Julho

Direito de acompanhamento dos utentes dos serviços
de urgência do Serviço Nacional de Saúde (SNS)
A Assembleia da República decreta, nos termos da
alínea c) do artigo 161.º da Constituição, o seguinte:

Artigo 1.º
Direito de acompanhamento
É reconhecido e garantido a todo o cidadão admitido
num serviço de urgência do Serviço Nacional de Saúde
(SNS) o direito de acompanhamento por uma pessoa indicada
nos termos do artigo 2.º

Artigo 2.º
Acompanhante
1 — Todo o cidadão admitido num serviço de urgência
tem direito a ser acompanhado por uma pessoa por si
indicada e deve ser informado desse direito na admissão
pelo serviço.
2 — Os serviços de urgência devem, através de serviços
técnicos adequados, promover o direito referido no número
anterior sempre que a situação clínica do doente não permita
a declaração da sua vontade, podendo para esse efeito
os serviços solicitar a demonstração do parentesco ou da
relação com o paciente invocados pelo acompanhante, mas
não podem impedir o acompanhamento.

Obter Número de Identificação na Segurança Social.

Obtenha aqui o seu novo número de onze dígitos e dos seus filhos para poder entregar na sua Escola.

Basta inserir o número antigo e depois o site dá-lhe o novo.

Hiperligação: http://www2.seg-social.pt/app/novoniss/default.asp

Parabéns á nossa Selecção.



Parabéns á nossa Selecção.
Estamos mais uma vez num Mundial.

“Vai parar” o segundo ciclo de avaliação docente.

“O secretário-geral da Federação Nacional de Professores, Mário Nogueira, confirmou hoje que o Ministério da Educação “vai parar” o segundo ciclo de avaliação docente até à aprovação de novas regras, o que significa que o modelo em vigor acabou.”
Esta notícia vem no site do jornal Público.
Não sei se é verdade ou não mas se for espero que se era este o motivo de tanta discórdia, que agora haja paz para que os Docentes façam um bom trabalho.

As escutas e as fugas de informação.

" A questão mais importante para mim é saber se, durante meses a fio, fui escutado, com as conversas a serem transcritas e gravadas, e se isso é legal e possível ser feito num Estado de Direito", sublinhou o nosso Primeiro Ministro.

Agora independentemente de tudo o resto, eu também gostaria de saber se qualquer um pode fazer escutas e quem nos garante que essas pessoas que ouvem as conversas não passam as informações para terceiros tipo a comunicação social e se não será dai que temos fugas de informação.
É o Presidente da Republica a ser escutado, é o Primeiro Ministro, enfim são todos a serem escutados.
Então e os assuntos de Estado como ficam?
Segredos que são de Estado não deveriam estar vulneráveis como estão.
Agora escuta-se tudo e todos e depois existem as fugas de informação de coisas que só quem escutou sabia.
Porque será?

Inscrições para adquirir Magalhães começam na próxima semana.

O secretário de Estado da Educação anunciou que a partir da próxima semana os alunos do 1.º ano do ensino básico poderão inscrever-se para adquirir o computador Magalhães.
"O programa [e-escolinhas, de aquisição do Magalhães] não foi suspenso, está em curso, e na próxima semana serão abertas as inscrições para os alunos do 1.º ano", disse João da Mata.
O secretário de Estado, que falava esta manhã aos jornalistas à margem da Cimeira Internacional de eLearning, que decorre no Porto, referiu que, "em princípio", irá manter-se o mesmo computador e este será distribuído aos alunos "nas mesmas condições" do ano lectivo anterior.
"Em princípio, mantém-se o mesmo computador. Ainda haverá acertos a fazer, estão a ser analisadas todas as condições", frisou, garantindo que os erros e falhas relacionados com o Magalhães foram "resolvidos em devido tempo".
Questionado se os estabelecimentos de ensino já tinham conhecimento da continuidade do programa, o governante afirmou que "as escolas terão essa informação".

Fonte: JN

Dá que pensar.

Um homem encontra sempre caminhos.

Autor: O meu filho de quase 9 anos de idade e que me fez pensar.

Criança agredida na escola sem auxílio (6 anos apenas).

Atenção que este artigo não se refere a todos os Docentes em geral.
Apenas aos que ainda têm más práticas o que felizmente são já muito poucos.


Novamente uma criança foi agredida por um colega e novamente a Escola não presta apoio à criança agredida dando apenas gelo para colocar na ferida.
Isto novamente numa EB/1.
Já é difícil para uma criança o entrar num mundo novo chamado Escola, ainda mais quando muitas delas nem um infantário frequentaram, e sendo agredidas poucos dias depois de entrar nesse mundo novo não é o que de melhor lhes podia acontecer.
Contudo na Escola EB/1 Augusto Gomes uma criança de apenas seis anos foi agredido contra a grade da Escola por outra criança do 4.º ano, tendo ficado com a boca rebentada e a única coisa que a Escola fez por essa criança foi lhe dar gelo.
Grande apoio não tem dúvida.
O gelo resolveu tudo.
Curou o miúdo, tratou do dente partido e outro dente com lesões, curou a criança do medo que tem de ir à Escola já que o agressor continua a ameaçar o agredido, enfim o gelo tratou de tudo.
Contudo a professora do agredido não lhe deu o devido socorro alegando estar na hora de almoço, e não ligou a avisar os pais porque, achava que não era grave.
Que grande Docente, burra como tudo.
Está-se mesmo a ver que não deve ser mãe.
Depois reclamam da Avaliação a que estão e muito bem sujeitos (Desde que feita por pessoas sérias).
A directora só uma semana depois falou com os pais.
Claro que é escusado dizer que mais uma vez o Agrupamento não presta declarações nem a Direcção da referida Escola aos órgãos de comunicação social, se calhar por acharem que só se iam enterrar mais nesta triste história.
E onde está a Fenprof que diz só querer a melhor Escola para os alunos?
É com Docentes assim?
Ninguém fala.
Quanto a mim um acto cobarde mas enfim.

II Encontro das Associações de Pais de Gondomar.

Porque é importante a partilha com outras Associações de Pais de do nosso trabalho em cada uma das Escolas e aprender com as boas práticas.

Por amor, com amor. (20)

Dormindo vi-te chegar a mim.
Via-te a chegar dos sítios mais inimagináveis.
Vi-te aproximar vindo de dentro do mar caminhando na minha direcção.
Da rocha também saias bonita como és.
Vi-te chegar a mim e dizias o quanto me amavas.
Vi-te saindo do deserto caminhando com um sorriso apesar do calor.
De todas as formas imaginei que um dia encontrava a mulher amada.
Mas de nenhuma dessas maneiras te encontrei.
Nem a mim viste como nesses sonhos.
Nos encontramos em amor de crianças e de crianças o amor de adolescentes se fez.
E de adolescente passou para um amor de adultos.
Que sabendo o que querem, querem o que queriam em amor de crianças.
Ficar juntos para todo sempre e sempre é pouco no amor que de criança começou.
Nesse caminho percorrido, tempestades passou, ventos não o desviou, do amor que em criança começou.

Porque em Gondomar trabalha-se para o futuro.



Cerca de 50 milhões de euros é o valor do investimento previsto para a criação do futuro Hospital-Escola de Gondomar. Resultado de uma parceria entre a Câmara Municipal de Gondomar e a Universidade Fernando Pessoa, esta estrutura ficará finalizada num prazo de dois a três anos.

Valentim Loureiro, Presidente da Câmara Municipal de Gondomar, e Salvato Trigo, Reitor da Universidade Fernando Pessoa, assinaram o Protocolo que define a criação deste Hospital Universitário no Concelho. O ensino das Ciências da Saúde é uma das vertentes do projecto, à qual se associará, também, a área de prestação de cuidados de saúde e, ainda, uma zona comunitária e de serviços sociais.

E é, precisamente, a vertente social que torna este projecto pioneiro. O Hospital-Escola assumirá as áreas hospitalar e pedagógica mas, também, partilhará espaços com a comunidade local. Espaços associativos, auditório, jardins públicos e outros serviços pretendem, assim, transformar este equipamento num espaço inovador que envolva a população local.

A Câmara Municipal de Gondomar disponibilizou os terrenos. A Universidade Fernando Pessoa procederá ao investimento e, como contrapartida, proporcionará aos Gondomarenses vários benefícios. Bolsas de Estudo, disponibilização de camas em internamento, descontos em inúmeros serviços, apoios sociais a várias instituições ou espaços para actividades (e colectividades locais) são algumas das inúmeras contrapartidas apresentadas.

O Hospital-Escola terá 244 camas, uma Unidade de Cuidados Continuados, Ambulatório e cinco Blocos Operatórios. A implantação será em zona central, nos terrenos da antiga “Interforma”, e contará com acessibilidades privilegiadas e, também, com uma estação do Metro de superfície. As obras arrancarão até ao final de 2009.

Colheita de Sangue - Novembro

Data: 07-11-2009 a 22-11-2009
Horário: 09h00 às 12h30
Local: Jovim/Melres
Organização: Associação de Dadores de Sangue de Gondomar

A Associação de Dadores de Sangue de Gondomar realiza, durante Novembro, duas colheitas.

A primeira tem lugar nos dias 7 e 8 de Novembro, entre as 09h00 e as 12h30, e decorrerá na Escola E.B. 2,3 de Jovim.
A segunda realizar-se-á nos dias 21 e 22 de Novembro, entre as 09h00 e as 12h30, no Quartel dos Bombeiros Voluntários de Melres.

Esta iniciativa percorre, mensalmente, todas as freguesias do Concelho de Gondomar.

Fonte: Site C M Gondomar

Partilha de Informação.

Neste novo ciclo escolar em que iniciamos este ano, com a figura do Director, com o Conselho Geral e com as Associações de Pais cada vez mais activas, esta Associação de Pais da Triana congratula-se por ter sido um elemento facilitador e ter conseguido reunir nas três escolas do Agrupamento de Pedrouços de Rio Tinto o Sr. Director, a Fapag, Cordenadores de Departamento e o Sr. Presidente da Junta de Rio Tinto (no caso da Triana) nas primeiras reuniões das Associações de Pais da Triana, Bouçinha e Santegãos.
É muito importante que no inicio do ano, logo nas primeiras reuniões, os pais escutem o que o Agrupamento vai fazer nas nossas Escolas através do próprio Director, escutar uma palavra de incentivo da nossa Federação de Pais, neste caso de Gondomar e acima de tudo além de escutarem os pais tiveram oportunidade de colocar questões às entidades presentes, coisa que se calhar por falta de tempo de outro modo não o poderiam fazer.
Este é um trabalho que esperamos seja feito todos os anos em todas as Escolas do nosso Agrupamento e em todos os outros Agrupamentos do Pais.
Quanto às Ap’s do nosso Agrupamento do lado da Maia, espero que convidem o Sr. Director e a Fapmai, a vossa Federação de Pais, para que os novos elementos travem conhecimento com toda a realidade escolar e com o meio associativo de pais.
É através do conhecimento e partilha de informação que se pode fazer um excelente trabalho.
Assim TODOS os elementos das Associações de Pais têm conhecimento e partilha de informação, pois as Ap’s não são só os seus presidentes, somos todos nós.
É assim na Triana, e esta maneira de estar e partilhar informação com as entidades competentes é algo que iremos cultivar todos os anos.

Vasco Granja

O grande e saudoso Vasco Granja, irá ser alvo de um tributo no Amadora BD Festival Internacional de Banda Desenhada, que celebra vinte anos, no Forum Luis de Camões.
Para quem como eu gostava muito de ver este senhor nos anos 80 na televisão, posso dizer que é mais que merecido.

Por amor, com amor. (19)

Nas rochas escrevi meu amor o teu nome.
Nada apagou teu nome por mim escrito.
Nem o ser humano, nem a natureza.
Veio tempestades, fortes ao ponto
De mover as rochas, mas nunca
Ao ponto de apagar teu nome nelas escrito.
Veio o ser humano e bem tentou, mas teu nome não apagou.
Nessa rocha me sento, a ver o mar e em ti a pensar.
E ouvindo as ondas a rocha comigo falou;
O nome que em mim escreveste, ninguém apagará.
Pois não o escreveste com as mãos, mas sim com o amor que por essa mulher tens.

1000 VISITAS.


E eis que chegamos as mil visitas de Agosto até hoje.
Desde que coloquei este contador, já vieram e este meu/nosso blogue 1000 visitas de 16 países, sendo que no total desde que este blogue foi criado, já por aqui passaram quase 8000 visitas.
Obrigado a todos/as.

José Saramago, um triste.

Depois de Maitê Proença falar mal de Portugal, eis que agora é um português que vem falar mal da BIBLIA.
Confesso que como cristão me sinto ofendido com o que escreveu esse senhor a quem um dia talvez por pena deram um prémio Nobel.
O que ele disse na apresentação de qualquer coisa que escreveu, (se é que escreveu mesmo), foi a todos os níveis e desníveis lamentável.
Por em causa uma Escritura que ele diz conhecer tão bem mas que pelo que parece ele lê a maneira dele e interpreta muito mal o que lê, é de todo lamentável.
Se quer vender que escreva, mas que não ofenda quem está acima dele.
Brincar com DEUS é lamentável.
Vejamos o quanto esta criatura é IGNORANTE;

José Saramago classifica a Bíblia como
"um manual de maus costumes" e "um catálogo de crueldade e do pior da natureza humana".
"Sobre o livro sagrado, eu costumo dizer: lê a Bíblia e perde a fé!”
"Na Bíblia também se encontra o que Saramago disse: um apelo à violência, à crueldade e à imoralidade e por vezes surge um Deus cruel, mesquinho, ridículo e mesmo imoral",

E mais não coloco aqui para não chocar ainda mais quem acredita na BIBLIA.

Por fim lembro que esta cópia de gente em 2007 disse o seguinte;

José Saramago defende que Portugal deveria tornar-se uma província de Espanha: 15/07/2007.”

O dito cujo deve ser mesmo uma pessoa infeliz.

Na minha/nossa AP da Triana.

Dá gosto fazer parte de uma Ap assim à qual tenho o prazer de presidir.


Realizou-se este dia 16 de Outubro de 09, a tomada de posse dos novos Órgãos Sociais da nossa Associação de Pais da Escola EB1 da Triana.
Com a presença do Sr. Presidente da Junta de Freguesia de Rio Tinto, do nosso estimado Director, Prof. Sérgio Alcidio Sérgio Lopes, que apesar de vir de outra reunião de Associação de Pais pode estar presente assim como o Dr. Jorge Ascensão presidente da Fapag que também veio da mesma reunião.
Tivemos também o Presidente da Assembleia-Geral da Fapag o Sr. Delfim Azevedo, pessoa que tem acompanhado de perto o nosso trabalho, assim como o Presidente do Pedrouços A C, que sendo uma pessoa já há muitos anos ligada ao movimento associativo de pais na Maia, pôde ser uma mais-valia como parceiro na sociedade além de ser membro do Conselho Geral do nosso Agrupamento e também procurou incentivar os pais a colocarem os seus filhos a praticar desporto além de nos procurar ajudar com a questão do transporte numa iniciativa para a época do Natal.
Infelizmente não podemos contar a presença da nossa coordenadora por motivos particulares, nem com qualquer professor da nossa Escola que não compareceram mesmo tendo sido convidados.
Dai o nosso apreço pelo Sr. Director e Coordenadora de Departamento apesar de maior carga de trabalho estarem sempre disponíveis para estarem presentes.
Nesta tomada de posse tínhamos 13 pais inscritos, mas após o decorrer da reunião tivemos mais 4 pais que se sentiram incentivados a participar nos trabalhos da nossa Associação de Pais que este ano irá fazer um trabalho intenso e muito participativo, tanto na Escola como fora dela.
É estimulante ter 17 pais que vão procurar viver a Escola, trabalhar com ela e com os Docentes que assim o desejarem para que juntos façamos da Escola a verdadeira segunda casa dos nossos filhos/as, pois é onde eles e elas passam a maior parte do dia.
Uma dessas actividades é o II Encontro Concelhio das AP de Gondomar no próximo dia 21 de Novembro de 2009, no Auditório Municipal de Gondomar onde poderemos partilhar com outras Ap´S experiencias e trabalhos que colaboraram e colaboram para o melhoramento das nossas Escolas e funcionamento das nossas Ap´s.

A TODOS E TODAS OS PRESENTES OS NOSSAS CRIANÇAS AGRADEÇEM A VOSSA PRESENÇA E AOS ORGÃOS SOCIAIS TODO TEMPO QUE PUDEREM DISPOR PARA TRABALHAR PARA E COM ELAS.

Fonte: http://apeb1-triana.blogspot.com/

Artigo Publicado.

Temos os que não querem ver o bom trabalho que tem sido feito e os que além de estarem ACORDADOS, fazem questão de falarem e publicarem que estão bem servidos.
Após varias tentativas de publicar os artigos a falar sobre um trabalho sério e que apesar dos obstáculos tem sido bem conseguido, eis que finalmente foi publicado algo que valoriza esse mesmo trabalho.
Apenas alteraram o titulo que era: Ganhou quem o POVO quis. O POVO decide.
Mas imagino o porque.....
E terminava assim: É fácil fazer, alias até seria bom, pois assim teriam mais trabalho para mostrar, mas não era essa a intenção.A intenção era e é mostrar o que é possível mostrar, não o que se sonha fazer.Parabéns aos dois.
Mas se fosse a falar mal vinha com as letras todas.
Acreditem que sim.


Os bloqueios da oposição na Câmara.

Bem queria deixar o assunto eleições acabado, mas as noticias publicadas puxam-me para este assunto.
Aqui vai bomba;

Os derrotados que concorreram contra o Major Valentim Loureiro, Isabel Santos, do PS e Rui Quelhas, PSD, disseram ontem no Jornal de Noticias que vão fazer a vida difícil ao trabalho do vencedor das eleições, o Presidente Valentim Loureiro.
Mas a burrice é tanta que chega ao ponto da candidata do PS (Partido que estimo por causa do Sr. Primeiro-Ministro e só por isso) ter dito no mesmo jornal e passo a citar: (Para Isabel Santos, os resultados das eleições de domingo "indiciam que a população tem vontade de mudar".)
A senhora por acaso viu os resultados das eleições?
Se fosse para mudar o nosso estimado Presidente perdia, certo?
Ai essa vontade de maldizer.
Depois, mesmo não sabendo o que lhes vai ser proposto atacam assim; (Os socialistas de Gondomar recusam "negócios" ou "acordos" com Valentim Loureiro.)
Ó camaradas então não sabem que é a negociar que se trabalha?
Ou a Câmara vai parar?
É essa a vossa intenção, certo?
Bloquear a Câmara?
Então deviam ter ido para o partido do Bloco.
E depois ainda falam isto; ( Isabel Santos, cabeça de lista socialista, afirmou ter chegado o momento de acabar com "o foguetório em Gondomar". "Seremos uma oposição responsável mas muito firme".)
Foguetório?
Onde?
Não tenho visto nenhum a não ser da parte desta candidata derrotada que prometeu vencer as eleições e falhou.
Lembram-se? Eu recordo:
Isabel Santos promete vitória do PS
27-12-2008 Jn.
Quanto ao ser responsável, como pode se já diz que não vai negociar?
Senhora, do seu Partido em Gondomar só o Sr. Marco Martins pessoa muito estimada entre nós é um vencedor absoluto e total.
No JN; (Também Rui Quelhas, que foi cabeça de lista social-democrata, descartou qualquer hipótese de acordo com Valentim Loureiro.)
Está-se mesmo a ver que a intenções destes dois é bloquear a câmara.
Para depois noutras eleições disserem que a Câmara não fez nada por culpa do Major.
Sr. Presidente, trabalhe como poder que nós sabemos que se mais não fizer é por culpa dos que novamente daqui a quatro anos perderam as eleições nem que seja contra o soldado desconhecido, pois o povo vai acreditar mais numa estátua que nessas pessoas.
Não se esqueçam todos que foi o povo que votou.
Nunca se esqueçam disto.

Valentim Loureiro.



Valentim Loureiro - 42,75%
PS - 29,33%
PPD/PSD.CDS-PP - 15,31%
PCP-PEV - 5,87%
B.E. - 2,95%
Major, os números não mentem.
Estamos consigo.
O seu trabalho na nossa câmara tem sido muito bom.
Parabéns.

Dmingo vamos todos a votos.

ESTE DOMINGO FAÇAM O FAVOR DE IREM TODOS VOTAR.

Vejam onde podem votar no www.portaldoeleitor.pt.

A obra não pára em Gondomar.

Antes mesmo da entrega de casas na Triana e em Fânzeres, eis uma noticia que se me escapou;

A cerimónia de assinatura do Protocolo de Colaboração entre a Câmara Municipal de Gondomar e a Universidade Lusófona, realizada nas novas instalações do Centro de Desportos Náuticos (do Clube Naval Infante D. Henrique), contou com as presenças do Prof. Doutor Fernando Santos Neves, Reitor da Universidade Lusófona, do Prof. Doutor Manuel de Almeida Damásio, Presidente da Direcção da COFAC, e ainda do Presidente da Câmara Municipal de Gondomar, Maj. Valentim Loureiro. Com este Protocolo, a Câmara Municipal de Gondomar cumpre o objectivo de, agora, trazer até ao Concelho o Ensino Superior e, em paralelo, proporcionar uma utilização plena à Casa Branca de Gramido, imóvel que foi totalmente recuperado no âmbito do programa de intervenção do Polis de Gondomar. A Câmara cedeu, em regime de comodato, por um período de cinco anos, renovável, as instalações da Casa Branca. No âmbito destes cursos será promovida a investigação científica, a realização de formação profissional, intercâmbios e parcerias, assim como a criação da Biblioteca e Centro de Documentação. A Universidade Lusófona irá atribuir 30 bolsas de estudo anuais, com isenção total de propinas, a estudantes residentes no Município de Gondomar.

Texto copiado do Site da C M Gondomar.

Entrega de casas em Gondomar.



No dia 7 deste mês de Outubro foram entregues mais casas em Gondomar, sendo que no seu mandato o Major Valentim Loureiro já entregou mais de 2500 casas.
Esteve presente o Sr. Presidente da Câmara de Gondomar Major Valentim Loureiro assim como o Sr. Presidente da Junta de Rio Tinto Marco Martins.
Estive presente assim como algumas centenas de pessoas e fiquei feliz por ver as pessoas que muitas delas com lágrimas receberam as chaves de autênticos apartamentos, podendo algumas deixarem as casas degradadas e barracas onde habitavam.
Foi lamentável é que estas casas estando prontas desde 2006 só agora puderam ser entregues visto que o tribunal de contas demorou uma eternidade para dar despacho favorável.
Como quem tinha este trabalho não deve viver nas condições que estas pessoas viviam…………
Mas enfim, casas entregues, missão cumprida.
Agora a câmara tem de procurar maneira de tentar colocar os contribuintes que pagam os seus impostos e não aqueles que nunca contribuíram com nada para a saúde financeira desta nossa nação, em casas dignas desse nome.
Não é tarefa fácil mas devagar se chega ao longe ( e com os atrasos do tribunal de contas é mesmo devagar).
Todos temos de contribuir para que estes trabalhos sigam em frente e juntos estimar a nossa cidade e fazer por o património não se degradar.
Este domingo vamos cumprir uma das nossa obrigações.
Vamos VOTAR.
Já agora é pena que o Jornal de Noticias e alguns jornais gratuitos, não tenham divulgado esta noticia e curioso é que num desses jornais é noticia um ex BB que foi internado por não estar bem e logo na primeira capa e esta noticia que tinha e tem muito mais importância não foi publicada.
Lamentável.

Por amor, com amor. (18)

Nos carinhos que te dou
Nas carícias no teu rosto
No compasso de espera entre dois beijos
Contemplo teu rosto, sinto tua respiração, finto teu olhar
E no beijo seguinte que te partilhamos
Com mais amor é dado e sentido
Cada beijo, cada carícia, cada olhar
Faz o nosso amor crescer mais
Faz com que nossas vidas fiquem mais ligadas uma na outra
Faz cada vez mais sermos um só.

Presidente da República

Excelentíssimo Senhor Presidente da República, Prof Dr. Aníbal Cavaco Silva, após as suas declarações fiquei a perceber o mesmo.
Sabia ou não do mail?
Se não vê mal em alguém do seu staff ter uma opinião e divulga la, porque tudo isto?
A notícia foi colocada nos jornais por um membro da sua Casa Civil, e sem fundamentação lógica.
Quem começou com esta manipulação de informação foi, precisamente, Belém.
A Casa Civil deveria de ser gerida por o Presidente da Republica, logo o Sr. é responsável por quem lá mete e consigo trabalha.
E afinal o seu assessor de quem partiu tudo isto foi ou não demitido?

Eleições Legislativas 2009.

Afinal o povo castigou o PS ou deu-lhe um voto de confiança, já que permanece no poder apesar de tão contestado?
Parabéns ao PS e aos restantes mostrem o porque de querer ir para o poder com ideias sólidas que fazam com que o povo acredite.







Bairro Alto.Apresentado por José Fialho Gouveia.

Bairro Alto
Eis um bom programa, que me tem mantido colado ao ecrã.
Apresentado por José Fialho Gouveia, veio me trazer à memoria, apresentadores à moda antiga, que tinham no sangue o nos entreter, fosse com concursos ou entrevistas.
Desse tempo, guardo na memoria dois apresentadores.
Fialho Gouveia e Carlos Cruz.
E para minha agradável surpresa o apresentador de Bairro Alto não tem apenas o nome parecido com o grande Fialho Gouveia.
É mesmo filho dele.
Depois entendi que para se ser um grande apresentador hoje em dia só mesmo sendo filho de outro grande apresentador.
José Fialho Gouveia, não é só o filho de um grande apresentador.
É ele mesmo um excelente apresentador.
Sabe fazer entrevistas, não é incomodo para quem entrevista, não passa dar marcas como alguns que bem conhecemos.
Dou os parabéns ao programa, seu apresentador e ao Canal 2 pela aposta feita e por ser quanto a mim o melhor canal, em tudo.

Politicos fogem de certas pessoas.

Os políticos querem ou não votos?

Senão vejamos;

Dr. Paulo Portas não comprimenta pessoas de etnia cigana, porque?

Dr. Francisco Louça não comprimenta vendedoras de peixe, porque?

Dr. Ferreira Leite não comprimenta os trabalhadores, só os empresários, porque?

Dr. Sócrates por agora tem comprimentado toda gente.

É assim que estes 3 candidatos querem ganhar alguma coisa?
A fugir de quem lhes pode dar votos?

Ai ai que já estou a ver descreminação.

Major Valentim Loureiro.


Eu apoio porque sei o que quero.




Por amor, com amor. (17) TU. Não vás por ai.

TU. Não vás por ai.

Tu. Tu que caminhas por caminhos que não são os teus.
Que tentas ser quem não és.
Que fazes por demonstrar que és quem nunca foste.
Na ânsia de a todos agradar.
Na ânsia de o fazer perdes-te de quem és.
Para seres quem nunca foste.
Caminhos que não são os teus, teimas em percorrer.
Não te cansas de no caminho errado andares.
Até ao dia, que perdido no tempo e olhando no espelho olhando te perguntes;
Quem sou eu?
Que fiz de mim?
Em que parte do caminho que não era o meu me perdi?
Mas sabes, tu, sim tu que te perdeste nos caminhos que não eram os teus.
Nos caminhos que eram de quem querias agradar, deixa que te diga, o teu ser não perdeste.
Está ai, dentro de ti, e quando fores tu próprio, esse teu ser voltará a ser teu e tu serás dele.
Porque o teu ser nunca te deixou, tu apenas te desvias-te dele, de ti mesmo.
Vai no teu caminho que é só teu e só tu o podes caminhar, ninguém por ti o fará.
Não te iludas no teu percurso da vida, não te iludas e não te percas nas ilusões da vida que mais não são que isso mesmo, ilusões.
Sê quem és e sempre terás alguém verdadeiro do teu lado.

Autor: Daniel Fernandes.

Façam favor de ir votar.

Não ir votar e depois reclamar é um acto de cobardia, por isso vamos todos votar para depois termos alguma moralidade se quisermos elogiar ou criticar.
Não fiquemos em casa a ver outros a decidir por nós.

Ângela Monforte.


Dia 12 deste mês assisti ao lançamento do livro "Ventos do Sul" de Ângela Monforte, educadora de infância em Rio Tinto.
Uma senhora que teve na apresentação do seu livro, um dos momentos mais mágicos sobre a leitura a que eu já assisti, no Salão Nobre da Junta de Freguesia de Rio Tinto, que sempre tem tentado apoiar os escritores sempre que possivel.
A maneira como foi apresentado, levou a que o salão visse palavras tomarem vida, palavras tocassem na alma, que vivessemos a poesia naquele momento.
Parabéns à escritora e à Junta pelo apoio demontrado.

Falsos moralistas.

Temos assistido a um autêntico aproveitamento politico com este triste episodio da TVI.
O oportunismo que os partidos políticos têm tido com este caso para deitar abaixo o Governo, tem sido gritante.
Mas alguém com o mínimo de esperteza, acha mesmo que um Governo ia dar um tiro no pé como este?
Quem é o principal suspeito que todos dizem?
O Governo.
Ora não tinha lógica, pois seria suicídio político.
Porque não pensamos que uma funcionaria como essa espécie de jornalista, que diz e passo a citar; “Tirar-me do ar seria uma estupidez” poderá ter cavado a própria sepultura ao desafiar a Direcção da TVI?
Uma espécie de jornalista que num noticiário ataca desde o inicio o Governo, que demonstra e fala que é contra tudo e todos, como pode alguém assim não ser suspeita de querer usar o seu telejornal para prejudicar essas pessoas?
Tudo bem que quem governa esta sempre na mira dor repórteres, mas façam favor de ao menos serem mais discretos.
É como a baixeza de debate politico a que temos assistido por esses políticos que não têm vergonha na cara.
Ou não se lembram, tanto o PSD como o CDS do que se passou com o Prof. Marcelo R. de Sousa na mesma TVI?
Esse sim, foi mandado calar pelos políticos que estavam no Governo na altura.
Até os colegas da dita espécie de repórter, estão aliviados dessa senhora sair da TVI.
Não sou de nenhum partido político, apenas acredito nos projectos apresentados por isso estou à vontade para falar.
Não nos vamos iludir com falsos moralistas.

Dinheiro paga empenho?

Gilberto Madail veio disse na quarta-feira passada, que iria aumentar os prémios de jogo.
Todos sabemos que a selecção desde que Scolari de lá saio, baixou de qualidade, afastou-se dos seus adeptos, por culpa do seleccionador que faz por isso, e até nos noticiários e jornais não se fala tanto da nossa selecção.
A Carlos Queirós se deve.
Contudo, pensar em dar mais dinheiro a quem já tanto o tem, como se para jogar bem por Portugal só pagando, faz-me afastar mais ainda de apoiar Portugal em futebol.
Comprar empenho não esta com nada.

Os políticos discutem, mas a última palavra é sua.

O Jornal de Noticias irá promover cinco debates em cinco cidades diferentes (Porto: Emprego e Economia, Coimbra: Educação, Braga: Justiça, Aveiro: Saúde, Viseu: Segurança) numa iniciativa chamada; Os políticos discutem, mas a última palavra é sua.
Ai está uma iniciativa promovida pelo maior jornal do Pais a justificar o porquê de ser líder.
Porque além de dar as noticias também dá oportunidade de o povo que já não acredita nos debates feitos só entre políticos em que o povo não tem voz, de debater, esclarecer, chamar a atenção para determinados assuntos que para os políticos podem estar esquecidos ou não terem importância, mas no nosso dia-a-dia são importantes.
Esta iniciativa, tenho a certeza será um sucesso e muitas vocês poderam se fazer ouvir e fazerem sentido.
Parabéns JN.

As chamadas à Selecção.

A nossa Selecção cada vez chama mais jogadores nacionalizados.
Não estou contra.
Muito pelo contrário.
Se têm valor mais ficamos a ganhar.
Mas por acaso temos lá o Deco e o Pepe, contudo estamos com o apuramento em risco na mesma.
Mas agora pergunto eu; a selecção de um Pais não é a montra dos seus valores?
Se jogadores de outros países utilizam essa montra, onde vão os jogadores nascidos em Portugal se vão mostrar?
Os clubes cada vez mais apostam em jogadores estrangeiros, a Selecção também.
E os que nasceram em Portugal como ficam?
Depois reclamam que os grandes valores procuram o estrangeiro para crescer.

I M L

Os estatutos que regem a Função Pública não permitem que os seus funcionários tirem férias quando lhes apetece mas sim quando podem e o serviço assim permite e os quadros das instituições públicas têm que seguir esses estatutos e o fazerem cumprir para que não haja falhas de serviços.
Contudo, não foi isso que aconteceu no Instituto de Medicina Legal de Lisboa que por causa desta incompetência fez com que uma jovem supostamente violada tivesse que estar doze (sim está a ler bem) horas sem se lavar, escovar os dentes e sem beber agua para não apagar vestígios do violador.
Ora esta jovem acabou por ser duplamente violada.
Primeiro pelo violador, segundo pelo Instituto em questão pois obrigou-a a permanecer assim mais doze horas, quando o que a jovem com certeza queria era apagar rapidamente os vestígios de quem mal lhe fez.
Alias uma das terapias usada nas vitimas de violação é exactamente as vitimas tomarem imediatamente um banho para se sentirem mais limpas e retirar todos os vestígios de quem mal lhes fez.
Tudo porque à noite não têm pessoal, pois uns estão de férias outros de baixa e quem sofre são as vitimas que por sinal já sofreram mais que muito.

Uma historia de ninguem e de muita gente.

Pai, escuta o teu filho, que precisa de ti.
Ouve as minhas palavras que sendo ditas por uma criança, não são palavras cultas nem de quem pensa que tudo sabe, mas são as palavras que o teu filho sabe falar.
Os meus temas de conversa não são complicados como os dos teus amigos, nem os meus problemas de criança tão sérios como os que vejo na Tv, mas sabes paizinho, são as minhas perguntas, os meus problemas.
Quero que me escutes, preciso que me escutes.
Sais com os teus amigos depois de um dia de trabalho.
Quando chegas, já durmo, e nesses dias nem te vejo.
Quando estas em casa e contigo vou ter, mandas-me ir brincar, pois queres ver Tv e ler os jornais.
Mas para mim não tens tempo, nem paciência.
Assistes a debates políticos, jogos de futebol, discutes sobre tudo, recebes visitas mas a mim não me escutas, não me recebes.
Cresci assim.
Sem teres tempo para mim.
Não me ajudaste a resolver os meus problemas mas falavas sobre os problemas do mundo tendo opinião sobre tudo, nem me ajudaste nos meus receios, nos meus medos nem me esclareceste as minhas dúvidas.
Assim cresci eu, sem ti.
Estavas presente mas ausente.
Na mesma casa vivíamos, mas em mundos diferentes.
Nem na minha Escola foste mas como podias lá ter ido, se nunca a conheceste?
Escutaste a todos e para toda gente tiveste tempo.
Mas quando tu enfrentaste problemas, todos te deixaram de lado, como tu me fazias a mim.
Quando te sentiste só, pela primeira vez tiveste tempo para vir ao meu quarto há noite me dar um beijo de boa noite.
Olhaste para mim e perguntaste-me; se tinha dez ou onze anos.
Respondi dez com lágrimas nos olhos, e perguntei; pai nem a minha idade sabes?
Pela primeira vez na minha curta vida respondeste-me a uma pergunta para me dizer; desculpa filho mas não me lembrava.
Com tristeza escutei a resposta, mas com o amor que por meu pai tinha perdoei esse esquecimento e vendo que triste ele estava perguntei; porque estas triste?
Desabafaste e eu escutei.
De repente paraste e olhando para mim disseste; tantas vezes me pediste atenção e eu nunca te dei.
Agora pedes-me para que eu fale e escutas-me a mim que nunca te ouvi.
Agora que aqueles para quem eu tinha sempre tempo, me viraram as costas, não tenho ninguém.
Mas pai, tu tens alguém.
Tens a mãe e a mim que sempre estivemos contigo mesmo quando estavas noutro mundo que não o nosso.
Filho, perdi todos e não perdi ninguém, pois tenho quem interessa e realmente é importante.
A minha família.
Nessa noite não dormi, pois o meu pai depois de muito se desculpar e comigo conversar, adormeceu na minha cama e eu passei a noite toda a olhar para ele, dando-lhe carinho, tocando no seu rosto que até então era inacessível.
Finalmente meu pai era pai.

Palavra.

A palavra pode edificar ou destruir.
Pode ser o que sempre quisemos escutar.
Aquela palavra carinhosa ou um elogio
Que nos puxa para cima.
Faz o nosso ego subir paredes.
Nos coloca bem lá em cima.
Ou pode ser o que nunca esperávamos ouvir
Seja vindo de quem amamos, estimamos ou de um perfeito desconhecido.
Aquilo que quando as nossos ouvidos escutam
Entristecem nosso coração, nossa alma.
Aquilo que dói.
Palavras são ditas muitas das vezes sem pensar.
Palavras banais sem conteúdo, vazias de tudo e sem nenhum significado.
Palavras assim não deveriam sair de nossas bocas
Deveríamos em vez disso de estar calados e escutar o silêncio, para palavras sábias aprender a falar.
São essas palavras sábias que eu quero te saber falar e a ti o amor te fazer chegar.
Com palavras te explicar o amor.
Será possível explicar o amor?

Raul Solnado. Sempre.



Raul Solnado.
Foi-se um grande actor e acima de tudo, um grande homem.
Palavras não tenho, mas não é por muito escrever que vou dizer a pessoa que Raul Solnado era.
Ele pelo que era já nos disse tudo em vida.

Por amor, com amor. (16)

Falaram em tempestade quando se ama
Eu vi a paz em ser amado
Falaram que não era fácil amar
Fui amado e amei sem dificuldades o amor
Falaram que os problemas vinham com o tempo
Com o tempo amei, fui amado e problemas não criamos
Falaram que quanto mais amasse mais sofria
Se sofro é por junto a ti não passar mais tempo
Falaram que o amor trás desgostos
A mim o amor trouxe-te a ti
E contigo veio a felicidade, o amor, o carinho e a amizade
Falaram, falaram, falaram e nada de verdade disseram
Falaram, falaram, falaram mas o nosso amor falou
O nosso amor falou a verdade
E de tudo o que disseram, de nada aconteceu
Por isso nosso amor é tão especial
Porque nada podiam falar
Pois nosso amor é único, mais ninguém viveu para contar como é amar e ser amado.

“Temos que ver isso”. Que maldita frase.

“Temos que ver isso”.
Maldita frase.
É igual a ( só mais cinco minutos quando acordamos de manha).
São frases que atrasam tudo nas nossas vidas.
Porque depois ninguém vai ver ou resolver nada.
São das frases mais ouvidas por mim em todos os órgãos onde estou envolvido. (Escola, Ap´s, Desporto e Profissional)
Aliás eu descarto logo essas pessoas e não conto nunca com elas.
E que virou moda.
Quando se quer resolver algo lá vem o raio da frase; tenho que ver, temos que ver, depois vê-se, e é que depois nunca se faz nada.
Porque será que em vez de falar que se vai resolver não se resolve de uma vez.
Não são para resolver isso as tantas reuniões de trabalho?
Caramba trabalhai e deixem-se de tretas.

Uma ajuda encoberta aos bancos.

Será que esta ajuda de 200€ por cada criança nascida não é uma maneira mascarada de colocar dinheiro nos bancos para que os bancos invistam e os clientes como não podem mexer o banco durante 18 anos vai ter esses milhões a render?
A ideia até não esta má de todo, mas em que é que vai ajudar os pais.
Se é por falta de dinheiro que não nascem mais crianças assim vai continuar a ser pois esse dinheiro não ajuda no sustento ou no infantário das crianças, ou seja os pais vão continuar sem condições económicas de ser pais, pois quando se quer um filho, quer-se dar pelo menos o essencial.

Por amor, com amor. (15)

Esta carta vai para os amigos, afinal sem voçes.....


Amigo/a;

Lembro de como era quando aqui estavas, de como a tua amizade era, ainda é e sempre será importante para mim.
De como passávamos o tempo, dos dias que nós desejava-mos que nunca tivessem fim.
Dias esses que nunca deveriam terminar.
Lembro-me de ti, sejas tu familiar ou um grande amigo/a.
A vida é o maior livro que escrevemos e nunca nos cansamos de o ler.
E no livro da minha vida estás tu.
Estão todas as personagens da minha vida, que fazem parte da minha vida, minha história, aqueles que são os verdadeiros heróis ou estrelas, esses são vocês.
São vocês as personagens com quem vivi e ainda vivo bons e maus momentos.
Estas tu amigo/a de infância, de Escola, de adolescência, da vida de adulto (que saudades da vida de criança).
Recordo de como era brincar contigo, de crescermos com amigos/as com quem se podia contar, dos tempos de Escola em que preferíamos apanhar todos a denunciar um companheiro/a, afinal mesmo que o erro fosse grave, era o nosso amigo/a.
Amigo/a, lembras-te do tempo que passamos na Escola?
Diz lá, não foram dos melhores anos da nossa vida?
Ao lembrar esses tempos, sinto as lágrimas aos olhos chegar.
As amizades que se constroem, as que duram até hoje, que sempre iremos lembrar.
Os namoricos que nessas idades pensamos nós que seriam para toda vida (alguns duram até hoje), mas que afinal foram as nossas primeiras grandes emoções.
Tempos de Escola.
Onde aprendemos mais que a ler e escrever.
Onde construímos o nosso futuro.
Onde encontramos vizinhos e amigos e onde fazemos novas amizades.
E tu amigo/a, sempre me acompanhaste, sempre estiveste comigo.
Tanto nos bons como nos maus momentos, sempre havia alguém para me escutar.
Por isso estás nas páginas da minha vida.
Por isso teu lugar é insubstituível.
As nossas histórias estão escritas com letras douradas a simbolizar a riqueza que são as verdadeiras amizades, sejas tu familiar ou só amigo/a.
Páginas essas que jamais se apagarão, que estão no fundo da minha alma, dentro do meu coração, onde apenas a tua amizade continua a escrever nas páginas das nossas vidas.
É a tua amizade por mim que te permite este livro para que continues a escrever nele.
E nada, nem ninguém pode apagar o que foi escrito, pois o que foi escrito, foi vivido e não se pode apagar o que se viveu, jamais.
Amigos/as, vamos agora passar para os nossos filhos aquilo que vivemos, o que significa a amizade e que só é amizade se nos acrescenta algo construtivo para a nossa vida.
Para que nossos filhos possam já em pequenos, sentir a riqueza que é ter verdadeiros amigos/as, que é preciso estima-los e muitas das vezes dizermos não o que eles querem ouvir mas sim o que precisam de ouvir, assim como eles a nós.
Para que nossos filhos descubram na Escola mais cedo que nós o quanto esta idade de criança é bela e feliz.
Escola, a nossa segunda casa (para muitos a única).
Onde construímos amizades que são para uma vida.
Amizades que nunca nos deixaram sozinhos e com quem podemos partilhar todos os momentos das nossas vidas, para que nunca estejamos sós.
Agora tenho de ir, de acabar esta carta, mas não te digo adeus, apenas até já.
Mas apenas deixo de escrever no papel, pois no livro das nossas vidas nunca deixarei de escrever, assim como peço que nunca deixes de escrever na minha/nossa vida.
Amigo/a obrigado por estares ai.

As mochilas e os votos.

"A Câmara escreveu a todos os encarregados de educação, prometendo dar mochilas e outro material escolar em Setembro.
Uma medida que já mereceu críticas da Oposição pela proximidade às eleições autárquicas."
Fonte: JN

Agora pergunto eu;

E se em vez da Oposição criticar, fizesse melhor?
Se acham que é por isso que vão perder votos,(eu não acho que seja por ai)porque não tiram alguns milhares de euros que gastam em campanha politica, e os gastam em material escolar?
Pois assim, em vez de gastar em cartazes e panfletos que nunca entram em nossas casas, gastavam em coisas úteis que chegando aos nossos filhos, também chegariam a nós.
Se acham que é por isso que vão perder votos então sejam sábios e recuperem esses votos dando mais que o adversário.
Aprendam que eu não duro sempre.

Escolas em obras.

Tenho visto no MAP (Movimento Associativo de Pais) algumas situações bizarras mas esta merece uma nota neste meu/vosso blog.
Numa visita a uma Escola sede de Agrupamento, tive conhecimento de que há pais que por os filhos não serem transferidos para uma determinada Escola, esses pais têm sido até malcriados para com as pessoas das secretarias das Escolas.
Mesmo que o facto tenha a ver com o motivo de essas Escolas estarem em obras de melhoramento (as mesmas obras que os pais tanto pedem) e como tal não é possível poderem aceitar mais inscrições.
Contudo os pais parecem não entenderem e colocam as culpas em quem não as tem.
Será que custa tanto entender que as crianças vão beneficiar e muito com as obras em curso e não adianta forçar a inscrição numa Escola que neste momento não pode mesmo receber mais alunos por falta de espaço?
Por favor, vamos ser racionais, para isso temos cérebro.

Dr. House.


Hoje venho homenagear uma personagem da série Dr. House protagonizada por Hugh Laurie.
Esse actor mostra-nos um pouco do que muitas das vezes se espera de alguém.
Que quando precisamos de um amigo/a para nos dizer a verdade, essa pessoa seja assim como House, frio, directo, que tome as decisões correctas mesmo que nos doa um pouco na altura, sabendo que nos vai por bons depois.
Por vezes é de uma pessoa assim que precisamos de escutar e a prova disso é o sucesso que essa série faz em todo mundo.
Talvez esteja a ser um pouco tendencioso por também ser directo quando tenho de falar, mas tomara eu ser tão directo assim.

Por amor, com amor. (14)

Com atenção escuta minhas palavras que saem do meu coração.
Palavras que querem chegar ao teu coração, à tua razão, ao teu ser.
Palavras que me saem do coração para traduzirem o que por ti sinto, e não são pouco o que sinto.
Palavras que ganham forma de vida quando escutadas pela pessoa a quem elas se destinam.
Palavras não são o que se diz, mas sim a forma como se diz.
Palavras já muitas te disse e mais te direi, na certeza que no teu coração chegarei.

Peço desculpa.

Peço desculpa a todos que me visitam e a quem costumo visitar, mas pelo facto de estar a mudar de casa não tenho estado tão presente como desejaria e como seria meu desejo.
Contudo, agora que já acabaram as mudanças e estou de férias estou de volta com vontade redobrada de estar na vossa companhia.
Abraço e continuação de boas escritas para todas/os.

Calendário Escolar 2009/2010

Calendário Escolar 2009/2010

Educação Pré-Escolar - Quadro n.º 1
Início das actividades lectivas Entre 9 e 15 de Setembro

Termo das actividades lectivas Entre 5 e 9 de Julho


Educação Pré-Escolar - Quadro n.º 2
Interrupções das actividades educativas
5 dias úteis (seguidos ou interpolados)
1.º Entre 21 de Dezembro e 1 de Janeiro, inclusive

2.º De 15 a 17 de Fevereiro, inclusive

3.º Entre 29 de Março e 5 de Abril, inclusive


Ensinos Básico e Secundário - Quadro n.º 1
1.º Período
Início
Entre 10 e 15 de Setembro

Termo
18 de Dezembro

2.º Período
Início
4 de Janeiro

Termo
26 de Março

3.º Período
Início
12 de Abril

Termo
8 de Junho para o 9.º, 11.º e 12.º anos e 18 de Junho para os restantes anos de escolaridade

Ensinos Básico e Secundário - Quadro n.º 2

Interrupções
Datas
1.º
De 19 de Dezembro a 3 de Janeiro, inclusive
2.º
De 15 a 17 de Fevereiro, inclusive
3.º
De 27 de Março a 11 de Abril, inclusive

Ensino Especial - Quadro n.º 1

1.º Período
Início
3 de Setembro
Termo
8 de Janeiro

2.º Período
Início
13 de Janeiro
Termo
18 de Junho

Ensino Especial - Quadro n.º 2
Interrupções

Datas

1.º
De 21 de Dezembro a 25 de Dezembro, inclusive
2.º
De 15 a 17 de Fevereiro, inclusive
3.º
De 2 a 5 de Abril, inclusive

Por amor, com amor. (13)

Nunca penses
Que por nada dizer, eu nada sinta.
Nunca penses
Que por sem palavras ficar
Em ti não possa estar a pensar.
Nunca penses
Que por no silêncio eu me recolher, em ti não esteja a pensar
E nesse momento não te esteja a amar.
Nunca penses assim.
Pois enquanto no silêncio estou, penso no que te dizer
Em como te dizer e em como ao teu coração falar
Para que o ele sinta o amor nas minhas palavras que por ti sinto.
Nunca penses
Que não te amo.
Para assim pensares, peço-te,
Nunca penses.
Mais vale nunca pensares, que pensares que eu não te amo.

Dia de Portugal.


Será que estamos a tratar bem a nossa Nação?
Será apenas este o dia de Portugal?
E nos outros esquecemos a nossa Nação?

Por amor, com amor (12)

Quero ser forte, tudo enfrentar
Enfrentar com alegria as tristezas
As tristezas para as afugentar
Mas preciso de ti.
Do teu ápio para lutar
Mas se forças não tiveres para me dar
O teu amor quero sentir
E sozinho lutarei para os problemas enfrentar.
Confia em mim como nunca confiaste
Ama-me como nunca amas-te .
É esse amor a minha força.
Barreiras derrubarei, problemas enfrentarei e a PAZ te darei.

Por amor, com amor (11)

Em criança eu te via
Contigo sonhava
Sonhava contigo porque a ti era difícil chegar
E eu na minha timidez a ti não me atrevia a chegar
Mas a sonhar tudo era diferente
Nos meus sonhos tudo era diferente
Nos meus sonhos de criança e adolescente
Ambos calados e na nossa timidez poucas palavras trocávamos
Mas os olhares, ai esses olhares falaram por todas as palavras não ditas
Por todos os beijos não dados, por tudo o que não acontecia a não ser
A nossa troca de olhares.

Salgueiros.


Dou os meus parabéns pela subida de divisão ao meu clube de coração e onde tantas vezes fui e ainda irei com o meu pai ver os jogos.
Grande salgueiral.
Jogue onde jogar em que divisão for, sempre será o Salgueiros.

Por amor, com amor (10)

Sei até onde quero ir.
Mas não sei se quero ir
Sei onde encontrar meu lugar.
E com quem estarei até ao fim da vida.
Mas não quero parar por ai.
Quero a eternidade.
Contigo.
Quero contigo continuar a procurar a felicidade total.
Como se não houvesse amanhã.
Só o dia de hoje.

As (inuteis) pressões.

Nestes últimos dias têm me chegado telefonemas de pessoas que aquando a nomeação dos pais para o Conselho Geral Transitório nunca deram o nome nem se dispuseram a trabalhar neste órgão ao ponto de os nomes enviados serem mesmo à justa para as vagas em questão.Agora, como as eleições para o cargo a director no nosso Agrupamento estão renhidas, todos se lembram que afinal têm voz e querem dar opinião.
Todos querem aparecer e dizer o que bem lhes apetece mesmo sem conhecer os projectos em causa nem os currículos dos candidatos.
Apenas com o objectivo de botar a baixo os candidatos.
Uns contra o candidato A e outros a B.
Ora estas pessoas nem sabem do que falam porque nem nas reuniões das Ap´s das suas Escolas, essas ditas pessoas donas da sua verdade nunca aparecem e quando foi para aparecerem para trabalhar no Conselho Geral Transitório, que elaborou o novo Regulamento Interno, elaborou todo processo do concurso a Director, reunir 8 vezes em duas semanas e todo trabalho feito por todo Conselho e respectivas Comissões onde essas pessoas estavam?
Pois, como sempre não tinham tempo.
Mas é curioso que agora têm tempo para se atirarem aos pais que estão no Conselho Geral Transitório para os tentar manipular mediante a vontade de cada um.
Pois bem, NÃO adianta, pois nós convocamos os pais das nossas Escolas para ouvir o que tinham a dizer e escutamos opiniões mas também sabemos ler os Projectos apresentados pelos candidatos e depois das entrevistas aos mesmos mais ainda ficamos esclarecidos.
NÃO VAMOS DECIDIR POR ATRITOS PESSOAIS ENTRE PAIS E CONSELHO EXECUTIVO OU POR ATRITOS ENTRE PAIS E PRES. PEDAGÓGICO.
Ambos os candidatos são candidatos para um cargo novo nas nossas Escolas independentemente das suas obrigações cumpridas ou não nos actuais cargos.
Ganhe o que ganhar, terá todo apoio, meu pessoalmente como pai, da nossa Ap, do Conselho Geral e creio de toda a comunidade escolar, pois só assim poderemos fazer bom trabalho.
Nós pais escutamos as nossas Escolas, parceiros na Ap e demais pais, mas não aceitamos que tentem nos manipular.
ISSO NÃO.
Ainda ontem na Feira Medieval, escutei que se ganha-se o candidato A que os pais de essa referida Escola ao pedirem satisfações que iriam mandar esses pais vir ter comigo pois eu é que estou lá.
Ora esse representante dessa Ap nem sabe em quem vou votar e que por acaso o Conselho Geral Transitório tem mais 20 elementos que votam.
Por isso como podem fazer este tipo de comentário?
É ou não é pressão?
Pena é que só agora se lembrem que aos pais foi dado poder de participação (e não manipulação) nas nossas Escolas e que temos voz não só neste concurso ao cargo de Director mas também em todos os assuntos que nos dizem respeito.
Como por exemplo nos casos de indisciplina em que os alunos que a praticam são filhos dos pais que têm voz na Escola.
Porque todos os pais têm voz, tanto para reclamar como para ajudar a melhorar.
Assim se constrói uma Escola.
Sempre defendi e vou continuar a defender que é com colaboração de alunos/pais/docentes que podemos ter uma Escola de verdade.
Talvez por isso tenha recebido telefonemas anónimos a fazer pressão, pois sabem que esta Ap e eu pessoalmente nunca entro em guerras mas sim em construir caminhos entre todos e por isso temos dado voz aos pais que também querem entrar nessas construções.
Aos demais que só querem destruir eu digo que ganhem juízo.
Escutei a minha Escola e seus pais e ajudaram-me a esclarecer algumas coisas que me foram úteis na minha decisão.
Quanto em quem vou votar eu digo apenas que vou votar em quem acredito através do que li e ouvi da voz dos candidatos e não em quem sou pressionado.

Daniel Fernandes.

Por amor, com amor (9)

Cada poema
Cada melodia
Cada palavra bonita
Cada pôr-do-sol
Cada sorriso teu
Cada olhar nosso, olhos nos olhos
Cada beijo que de ti recebo
Cada momento destes é único
E me fazes ter a certeza que é contigo que estou feliz.

Por amor, com amor (8)

Não tenho que ser o melhor de todos
Não quero que sejas a melhor de todos
Não tenho de querer ser o melhor
A melhor não quero que sejas
Apenas quero ser eu próprio
E te ter a ti própria
Sendo tu mesma
E ser o melhor, de mim mesmo para quem me ama.

"Diz que é uma especie de politico".

Esta frase foi dita por este "diz que é uma especie de politico".

"Não pensem que isto é um caso de polícia, isto é um problema social de fundo, que resulta do agravamento da situação social e da indiferença que este Governo está a ter", afirmação feita por Jerónimo de Sousa no final do almoço convívio da CDU, em Matosinhos.

Ora como pode alguém no seu perfeito juizo fazer tal afirmação?
Agora cada vez que tenhamos problemas vai-se roubar e depois arriar na policia?
Este "diz que é uma especie de politico" nem refere o seu apoio nem do seu (partido?) aos policias que foram vitimas destes cobardes ataques.
Não quero que quem é deste (partido?) fique ofendido mas o que eu tenho a dizer a esta "diz que é uma especie de politico" é que ele não tem VERGONHA NA CARA E É PARVO.
Então agora vamos proteger os criminosos só porque estamos perante uma crise mundial?
E esta heim?

Daniel. Nome de origem Hebraica

Significado: Significa Deus é meu juiz.
Indica uma pessoa que não se preocupa exageradamente com a opinião dos outros.
O importante para ele é estar em paz com a própria consciência e com seus princípios morais. Tem uma intuição muito grande e sabe usá-la.
Do hebraico "Deus é meu juiz".

Conta-me como foi.


Mais uma vez a RTP faz das suas.
Mais uma vez acabou ou interrompeu a transmissão da série Conta-me como foi sem pré-aviso nem uma informação de última hora.
Cá em casa todos gostamos muito da série até meu filho de 8 anos que assim vai descobrindo como era nos tempos antigos a vida dos seus pais e avós.
Aliás atrevo-me a classificar esta série como um livro de história feito com vida.
Esperemos que o canal público de Televisão repare o erro que fez.

Vasco Granja.

Quem da nossa geração (tenho 35 anos) não se lembra do grande e único apresentador Vasco Granja?
Pois foi com muita tristeza que soube da sua morte aos 83 anos de idade.
Por isso só hoje consegui escrever sobre esse senhor, que durante 16 anos entrava pelas nossas casas com todas as novidades de Banda Desenhada e nos explicava até como eram feitos alguns filmes.
Isso sim, era um programa infantil e juvenil.
Aliás tinha muitos adultos que também viam.
Deixo aqui uma sincera homenagem a este GRANDE Senhor, que nos colava à Tv. durante todo seu programa.
Sempre haverá esse Senhor nos nossos corações quando alguém nos perguntar algo da nossa infância.





Por amor, com amor (7)

Pelos caminhos percorridos
Pelos ventos com que cruzamos
Pelo frio da caminhada nunca terminada
Encontro o bom tempo nos teus braços
O conforto de ter caminhado insistentemente
Sem nunca desistir, mas chegar até a ti
De não mais estar só
Próxima caminhada não vai haver
Já caminhei o que tinha a caminhar
Até te encontrar.

Por amor, com amor (6)

O caminho que caminhamos
As pessoas que encontramos
Por elas passamos
São pessoas que nos marcaram
Sempre as recordamos
Mas o amor nelas não encontra-mos
Amizade encontra-mos
E com elas ficamos no coração
Mas amor que nos junta-se
Não havia nestas uniões
São pessoas que nos lembramos
Mesmo as que nunca amamos
As que apenas simpatizamos

Alunos 12 horas nas Escolas.

Muito se tem falado das Escolas estarem abertas doze horas diárias.
Não entendo o porquê da questão ser considerada por muitos de incómoda e que seria como as Escolas passarem a servir de depósitos para os pais lá colocarem os filhos,
Vamos então falar e procurar esclarecer aquilo que para mim já está mais que esclarecido, mas como alguns teimam em não perceber….
A proposta é de que as Escolas abram às 08 da manhã e encerrem às 20 da noite.
Ora os docentes apenas terão de dar aulas no seu horário normal e depois os alunos terão as Aec`s e depois sim terão outro tipo de actividades até ás 20 horas.
Ora quem já deixa os filhos nas salas de estudo ou infantários e depois vai lá buscá-los ao fim da tarde já cumpre esse ritual.
A única diferença é que os pais que não podem colocar os filhos nos infantários ou salas de estudo, puderam ficar descansados pois os seus filhos já não terão que ficar com outras pessoas sejam familiares, vizinhos ou conhecidos que muitas das vezes nem dos seus filhos cuidam.
Não será melhor os nossos filhos estarem num local educativo como a Escola em vez de andarem na rua como temos visto os casos de delinquência juvenil que nos dias de hoje infelizmente são notícia diária nos noticiários?
Claro que as Escolas terão que, ao dar este apoio, os pais teriam que provar que o seu horário de trabalho não permite irem buscar os seus filhos mais cedo para que não deixem os filhos abandonados nas Escolas.
Mas também é curioso que alguns dos maiores nomes do nosso Pais, estiveram em colégios internos em que só iam ao fim de semana a casa.
Pergunto eu se esses pais também abandonavam os filhos em depósitos?
Afinal só eram pais aos fins-de-semana.
E temos grandes exemplos disso.
Claro que as escolas que não podem fazer obras para criar espaços próprios para esse efeito podem sempre fazer parcerias com as salas de estudo para utilizarem outras instalações para esse efeito.

Entrega de Diplomas na Ap da Eb1 da Triana.



Realizou-se no dia 16 de Abril de 09, a entrega dos diplomas da formação de informática que aos pais e encarregados de educação foi proporcionada.Com a presença de todos os parceiros que colaboraram nesta iniciativa, Dr. Fernando Paulo, Vereador da Educação da Câmara Municipal de Gondomar, Dr. Jorge Ascenção Presidente do CE da FAPAG , Sr. Delfim Azevedo Presidente PMAG da FAPAG, Prof. Sérgio, PCE do Agrupamento, Prof. Ana Paula Coordenadora da nossa Escola, Associação de Pais da EB 1 da Triana e o Sr. Hélder Peixoto representante da FDTI.
Foi reconhecida, pelos convidados e também pelos participantes, a importância das AP nas Escolas enquanto parceiras empenhadas na formação, desenvolvimento, cooperação e apoio aos pais, alunos e aos demais intervenientes na educação escolar.
Todos os formandos foram felicitados pelo empenho, dedicação e por demonstrarem vontade de continuar com mais e nova formação.
Isto mostra o empenho dos pais em serem colaborantes e em agarrarem as oportunidades que lhes são dadas.
Assim vale a pena o trabalho despendido em prol de todos e reforça a vontade de todos os parceiros em fazer mais e melhor.
Se agora foi bom, então da próxima vez tem de ser excelente.
Porque cada vez mais temos a certeza que este deve ser o caminho das AP e não serem apenas uma entidade de reclamações do que vai mal nas Escolas.
Queremos ser, cada vez mais, parceiros construtivos, não deixando de estar atentos às necessidades das escolas, sejam de infra-estruturas sejam de outra ordem.
A AP da Triana vai continuar nesse caminho e com a excelente colaboração da FAPAG, de grande disponibilidade, ética e dignidade, de que muito nos honramos ser associados e parceiros, esperamos continuar a desenvolver trabalho de qualidade para toda a comunidade escolar do nosso lugar.

Formação para os Pais na Eb1 da Triana.

Ainda voltaremos a falar nesta frase que criei para a entrega dos diplomas na Ap a que pertenço.
Na verdade este titulo tem muito que explorar.



Promessas de politicos.

Hoje falo de algo que me parece correcto fazer quando as promessas não se cumprem.
Estando eu no Movimento Associativo de Pais e fazendo parte do Conselho Geral, tive conhecimento de que o decreto-lei 75/2008 diz que o Director eleito, caso não cumpra o prometido aquando da sua candidatura para o cargo que ocupa, pode ele ser destituído pelo Conselho Geral e irá ser aberto outro concurso para nomear outro Director.
Digo isto porque vêm aí as eleições e como seria bom poder fazer o mesmo aos políticos que prometem e não cumprem.
Os políticos deviam apresentar quem vai fazer parte do seu Governo, o que se propõe, se tem condições para fazer o que se compromete e se tem currículo para isso.
Depois, se nada ou quase nada fosse cumprido, destitui-lo do cargo.
Garanto que depois tinham mais cuidado no que falam.
Concordam?

Vivemos ou vamos vivendo?

Eis uma musica que sempre me fez pensar e agora ainda mais, pois o tempo passa e já pouco falta para os 40.
Mas não só por isso.
Porque acredito que devemos sempre viver com tudo o que a vida nos dá mas que nos probem de coisas boas.
Por isso sigo um lema:

Tudo posso, mas nem tudo me convém.

Que possamos aproveitar a vida e tirar proveito de tudo, mas que saibamos destinguir o que é bom para nós, do que não nos é bom.

">

Quando alguém se vai......

Por estes dias, uma pessoa amiga perdeu um familiar muito querido, que era o pilar numa numerosa família.
Era alguém que conseguia juntar todos familiares junto dele.
Era um autêntico timoneiro dessa família.
Embora a família já esperasse a partida desse timoneiro, o certo é que na hora h custa.
É triste quando assim acontece de vermos partir alguém que amamos.
Deixo aqui no meu espaço, uma homenagem a essa família que para mim tem importância e me faz lembrar que nunca estamos preparados para perder-mos alguém, mesmo que o saibamos.
À família deixo-vos também o desejo que recuperem a alegria de viver rapidamente, pois ainda sois muitos os que cá ficam para que o dia de amanha não exista.
Que encontrem conforto nos ombros de cada um de vós.
Abraço e que o sol nasça em vossas vidas rapidamente.

Sempre PAI.

Pai educa
Pai cuida.
Pai acarinha.
Pai repreende.
Pai não diz só o que queremos ouvir
Pai diz o que devemos ouvir.
Pai acompanha mesmo à distancia.
Pai caminha de mão dada com o filho.
Mas mesmo quando ele cresce
a mão pode não lá estar fisicamente
mas está lá a nos segurar nesta vida.
É de mão dada contigo Pai que eu te escrevo que te amo.
Amo-te muito e que ainda preciso muito de ti.
PAI.

Dia do Pai é todos os dias.

Pai eu sou, filho também.
Antes de Pai ser, era só filho.
Um filho com muito orgulho do Pai que tem
do Pai que teve e do Pai que terá
pois muito muito ainda terá que ser MEU Pai.
Do Pai que sou já o disse uma vez, o devo ao Pai que sempre tive.
O carinho que recebo do meu filho é também para o meu Pai
pois o Pai que sou o devo ao Pai que tive e tenho.
Obrigado pai.

Por amor, com amor (5)

Um oceano nos separa fisicamente.
A distância é enorme.
Não sei como combater a saudade.
Como superar este oceano?
Que faço sem contigo estar minha amada?
Não estou contigo em corpo, mas espero que sintas a minha pessoa.
Pois o amor que sinto por ti não se vê, mas sente-se.
Eu sinto vindo de ti todo esse amor que em mim e recíproco.
Quanto mais amor recebemos um do outro, mais nos damos.
Quanto mais afastados estamos, mais depressa nos encontramos.
O tempo mantêm-nos afastados.
Algumas horas por dia.
Mas em nenhum dia estaremos longe um do outro.
O oceano de que falo são as horas do dia que sem ti estou.
São mais que um oceano.
São tempos intermináveis.

Fapag com os pais no Conselho Geral.


Realizou-se no dia 16/03/2009 na sede da FAPAG, uma reunião com os representantes dos PEE nos CGT para esclarecer e debater os diversos assuntos que têm a ver com a posição dos pais no Conselho Geral e do que devemos ter em atenção na escolha do director para as nossas Escolas. Foi uma reunião muito esclarecedora para todos, em que se trocaram experiências de um agrupamento que já nomeou o seu director.
Estas iniciativas são de louvar, pois servem para que os pais que querem agarrar esta oportunidade, a possam agarrar com conhecimento de causa, mesmo que minimamente.
Não podemos nos esquecer que do Conselho Geral sairão as decisões mais importantes na vida escolar das nossas crianças.
Embora sejam poucas ou mesmo diria até que praticamente nenhuma Federação fez uma reunião deste género, felicito a FAPAG pelo encontro e que outras Federações sigam este mesmo caminho.

Por amor, com amor (4)

Tudo que eu tinha te dei.
O meu amor quando te conheci, te entreguei.
O carinho para ti todo foi.
As músicas que eu criei, para ti as cantei no silêncio da madrugada.
Tudo que escrevi, que de amor falava, a ti se destinavam.
Todos poemas, versos ou declarações de amor a ti foram entregues.
No livro que escrevi também de ti falei no conto que imaginei.
Nas palavras que falo se sentido fazem a ti se deve.
O sentimento que toca cá dentro vem de ti, do teu amor.
Do que falo, conheço desde que te conheci.
E do que falo é de amor.
Se conheço o amor a ti se deve.
Assim como a felicidade que por dentro sinto.

Por amor, com amor (4)

Tudo que eu tinha te dei.
O meu amor quando te conheci, te entreguei.
O carinho para ti todo foi.
As músicas que eu criei, para ti as cantei no silêncio da madrugada.
Tudo que escrevi, que de amor falava, a ti se destinavam.
Todos poemas, versos ou declarações de amor a ti foram entregues.
No livro que escrevi também de ti falei no conto que imaginei.
Nas palavras que falo se sentido fazem a ti se deve.
O sentimento que toca cá dentro vem de ti, do teu amor.
Do que falo, conheço desde que te conheci.
E do que falo é de amor.
Se conheço o amor a ti se deve.
Assim como a felicidade que por dentro sinto.

O sonho.

Em miúdo sempre sonhei que um dia ia amar e ser amado.
Que ia levar a pessoa amada sempre comigo no meu coração, onde quer que fosse.
Que ia amar tanto que fazia loucuras por esse amor.
Que desse amor viria uma criança.
Criança essa que iria amar, cuidar, respeitar, mimar e ensinar-lhe a respeitar a vida.
Que fosse menino ou menina, essa criança ia ser a minha vida.
Por quem eu morreria se preciso fosse.
Mas se eu acredito nos sonhos é porque eu acredito que se realizam.
Isso eu posso afirmar, pois este sonho que aqui conto é actualmente a minha realidade.

Dia da Mulher.

Mulher não é objecto.
Mulher não serve apenas para cuidar da casa e das necessidades físicas do homem.
Mulher não é escrava.
Mulher tem sentimentos.
Mulher tem vida.
Mulher deseja ouvir, mas também ser ouvida.
Mulher é vida e nos dá vida.
Muitas das vezes a sua própria vida para nos dar à luz.
Mulher cuida de si e dos seus.
Às vezes esquece-se de si pelos seus.
Mulher ama como ninguém mas às vezes não é amada por ninguém.
Ainda assim a mulher tem sempre amor por alguém.
Mulher trabalha sem parar.
No trabalho ou em casa, não descansa.
Ainda sem tempo para descansar e sem de si cuidar a mulher nos escuta se algo não vai bem com alguém que lhe é querido/a.
Mulher é este ser extraordinário sem igual.
Por isso existe o dia da Mulher e não o dia do homem.
Porque por tudo de bom que a mulher é merece este dia e muitos mais.
Mas não nos esqueça-mos que dia da Mulher é todos os dias.
SEMPRE.


">